notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 16/01/2022

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    esporte

    Luana nasceu e cresceu na Vila Anair, nos arredores do campo do Estrela

    Rainha do Futebol de Cachoeirinha, Luana Spindler vai jogar no Atlético Mineiro

    por Róbinson Gamboa | Especial | Publicada em 09/01/2022 às 11h10| Atualizada em 16/01/2022 às 12h58

    A geração que desbravou o futebol feminino em Cachoeirinha nos anos 90 está presente no atual cenário da modalidade no Brasil, que segue crescendo a cada dia. Aos 30 anos, Luana Spindler assinou nesta semana contrato com o Atlético Mineiro pra disputar o Brasileirão feminino profissional.  Com uma carreira consolidada, Luana ja defendeu clubes como Inter, Avaí/Kindermann e São José (SP), e se aventurou na Europa, recebendo em Euros, no Tenerife (Espanha) e Ferencvarósi (Hungria). Também passou pelo Hangzhou Greentown (China) e Incheon Hyundai (Coréia do Sul).

    Apesar do sucesso internacional, nunca esqueceu suas raízes, e as dificuldades que passou para vencer no esporte.

    Luana nasceu e cresceu na Vila Anair, nos arredores do campo do Estrela, uma das regiões de maior vulnerabilidade social da Grande Porto Alegre. No campo embarrado do Estrela, ela deu seus primeiros passo no futebol.

    – Se não fosse o esporte, não sei no que poderia ter me tornado – revela.

    No início dos anos 2000, Luana tinha apenas nove anos quando despertou atenção com seu talento com a bola. Logo, foi convidada a treinar numa escolinha mantida na SEC (Sociedade Esportiva Cachoeirinha), do professor Álvaro. Foi o ponto de partida num sonho que se tornou realidade, algo até então considerado impossível  para dezenas de mulheres de Cachoeirinha e Gravataí, acostumadas com o desprezo e a falta de oportunidades.

    – Ainda tenho familia em Cachoeirinha, e sempre que posso volto à cidade para rever parentes e amigos. Não esqueço minhas origens, e sei que muitas meninas hoje seguem tendo os mesmos obstáculos que eu tive pela frente – comenta a craque da Vila Anair.

    Em 2018, foi artilheira da série A2 do Brasileirão, com 12 gols, atuando pelo 3B da Amazônia. Sua foto está estampada até hoje num painel gigante nas paredes do Centro de treinamentos do clube, que recentemente recebeu a seleção brasileira.

     Acredito que sorte seja importante, mas o empenho e a dedicação tem que estar caminhando juntos. Os treinos diários é que fazem a diferença dentro de campo, para que a atleta sinta-se pronta para as competições – diz.

    Cada vez que Luana entra em campo, ela carrega consigo o coração de lendas como Genú, Bianca, Rosa de Boer, Paula Daniela e tantas outras desbravadoras de Cachoeirinha, que teimaram em praticar futebol, esporte proibido para mulheres no Brasil até 1979.

    • coronavírus
      Por que a GM de Gravataí pode parar em 2022; Perdas na pandemia somaram 50 milhões
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      Os números da explosão da covid em Gravataí revelam uma boa notícia; A salvação em 0,5 mL
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens Guilherme Klamt
    • política
      Advogado de Miki explica vídeo onde vereador o flagra com covid e sem máscara na rua; É Cachoeirinha 40 Graus e subindo
      por Rafael Martinelli
    • política
      Cachoeirinha 40 Graus: Advogado flagra reunião e denuncia conspiração: ’Querem cassar Miki e Maurício’; O que faziam juntos vereador-juiz da cassação e candidato derrotado à Prefeitura
      por Rafael Martinelli
    • política
      Miki tem contas invadidas; O que fizeram os hackers em nome do prefeito afastado de Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • política
      Quem vai comandar novo partido de Bolsonaro em Gravataí; ’Polarização será com Lula, Moro não é adversário’
      por Rafael Martinelli
    • bem-estar animal
      Guarda municipal de Gravataí investigado por matar cão com tiro; Dossiê na Corregedoria, Polícia e MP tem vídeos, áudios e prints
      por Rafael Martinelli
    • política
      Ex-candidato a prefeito de Gravataí deixa partido de Bolsonaro; quem ele apoia em 2022
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      Gravataí e Cachoeirinha com transmissão comunitária da ômicron; É motivo para pânico? A ’ideologia da ciência’ responde
      por Rafael Martinelli
    • política
      Começa cassação do prefeito de Cachoeirinha: ’Sérgio Moro de Miki’ é do PT; os Grandes Lances dos Piores Momentos e o que pode anular o processo
      por Rafael Martinelli
    • política
      Legado de Sônia: Alan vai coordenar campanha de Patrícia e Marco Alba; A ’jóia’ não vai para o secretariado de Zaffa
      por Rafael Martinelli
    • política
      Um ano de governo, 1h com Zaffa: balanço e perspectivas; Covid, Rio, investimentos, Zaffari, pauta-bomba da Sogil e outras polêmicas
      por Rafael Martinelli e Roberto Gomes de Gomes | Edição de imagens Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Rodrigo Becker | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.