notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 19/10/2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    Crise do coronavírus

    Testagem, vacinação, todos os cuidados de higiene e uso de máscara são essenciais para o controle da pandemia. Foto: Agência Brasil

    CANOAS | Setembro é decisivo para segurar a variante Delta: vacina no braço é vida, não bandeira política

    por Rodrigo Becker | Publicada em 14/09/2021 às 19h10| Atualizada em 14/09/2021 às 22h13

    Terceira onda prevista para segunda quinzena de setembro só virá se cuidados forem abandonados; vacinação é o que nos salva


    Duas boas notícias correram pela timeline dos canoenses neste início de semana e reparem que é apenas terça-feira, 14. A primeira: tivemos 7 dias seguidos sem registro de morte por Covid-19 na cidade; e a segunda, não menos importante: amanhã, começa a vacinação da os 17+ sem comorbidades, como o blog conta no post Tá na hora de quem tem 17 anos esticar o braço contra a Covid-19.

    O avanço da vacinação, reputo, é a nossa grande arma para conter o potencial catastrófico que teria uma terceira onda na cidade. E a variante Delta, convenhamos nós, bem que tenta. Mais contagiosa do que a P1, a Delta só não nos trouxe de volta as angústias de março porque, até agora, praticamente 92% da população elegível para vacina já tem no braço pelo menos uma dose do imunizante - seja ele qual for. A testagem tambémm tem seu papel nessa história toda: sem ela, menos gente teria feito a quarentena necessária para evitar o espraiamento do vírus e certamente aquele março teria sido bem maior e mais drástico do feito.

     

    LEIA TAMBÉM

    CANOAS | Vereadores da região planejam abraço ao Pronto Socorro por grana ameaçada na Saúde

    CANOAS | Três pistas sobre a ’solução definitiva’ de JJ para a crise no transporte

     

    Canoas foi incluída, ainda, na Pesquisa de Prevalência de Infecção por Covid-19, a PrevCov, promovida pelo Ministério da Saúde. Um mapa detalhado da transmissão e comportamento da doença vai emergir do estudo - e, com ele, novas formas de prevenção e combate. 

    No início da noite, a Prefeitura confirmou que idosos com mais de 70 anos e que não residente em instituições de longa permanência serão chamados à dose de reforço a partir de sexta. Vai funcionar como das outras vezes: um público a cada chamado, sempre com um intervalo superior a seis meses, que é quando a terceira dose melhor ajuda o sistema imunológico humano a aumentar o nível de anticorpos ao coronavírus.

    Por fim e não menos importante, vale lembrar que cerca de 20 mil canoenses de todas as idades ainda não se convenceram de que só a vacina salva. É uma população maior do que 387 municípios gaúchos - ou 77,87% deles. Os cuidados de higiene e uso de máscaras são fundamentais, mas eles podem ser insuficientes para para quem está entre a vida e a morte só com a resposta imunológica do próprio corpo. A Covid-19 não quer saber o que o seu pastor disse e está nem aí para a cor da sua bandeira política. Só quem está vivo pode discutir se A é melhor que B, se vira jacaré ou jacarete. Só quem está vivo.

    1620 canoenses não tiveram essa chance.


     

    • política
      Chefe da Guarda de Gravataí não pode ser ’segurança’ de pub que deveria fiscalizar
      por Rafael Martinelli
    • política
      Dr. Levi vai doar meio milhão em alimentos com seu salário de vice-prefeito de Gravataí; O bom e o ruim
      por Rafael Martinelli
    • política
      Fernando Deadpool age como um Boca Aberta de Gravataí; Um vereador a cliques da perda do mandato
      por Rafael Martinelli
    • política
      Caso Miki: emergência para lixo nas ruas de Cachoeirinha; O povo é sempre a primeira vítima
      por Rafael Martinelli
    • política
      Viagens de ex-vereadores de Gravataí deixam R$ 150 mil para família do falecido Nadir pagar; A conta do ’CâmaraTur’
      por Rafael Martinelli
    • política
      10 anos do golpeachment: a politicagem e o dinheiro me cassaram, diz Rita, a ’Dilma de Gravataí’
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens Guilherme Klamt
    • política
      Onde Bolsonaro não pode entrar em Gravataí a partir desta segunda; O ’passaporte vacinal’
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Rodrigo Becker | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.