notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 22/06/2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    duplicação

    Secretário estadual de Logística e Transporte Juvir Costella gravou vídeo na rodovia

    Pedágio na ERS-118 de Gravataí: Secretário de Estado diz que é ’fake news’

    por Rafael Martinelli | Publicada em 06/06/2021 às 15h28| Atualizada em 14/06/2021 às 12h28

    O governador Eduardo Leite (PSDB) não vai pedagiar o trecho de 22 quilômetros da ERS-118 duplicado entre Gravataí e Sapucaia do Sul. A garantia foi dada neste domingo pelo secretário estadual de Logística e Transporte, Juvir Costella (MDB), em vídeo gravado às margens da rodovia, inaugurada em dezembro do ano passado após R$ 400 milhões de dinheiro público em 20 anos de obras.

    – O trecho já duplicado não terá pedágio. É garantia minha e do governador. Há estudos iniciais para concessão para iniciativa privada do trecho entre a Freeway e Viamão em troca da duplicação – disse, projetando para o dia 10 o início da construção de duas das seis passarelas e novidades na iluminação na rodovia, mas sem fazer referência à elevada no 'Km da morte', que fica no acesso da Av. Centenário ao Distrito Industrial de Gravataí, o que tratei em artigos como Duplicação completa da RS-118 é uma fake news.

    Costella disse ser fake news a possibilidade de inclusão do trecho já duplicado no estudo em fase do conclusão pelo Governo do Estado, mesmo que tenha ficado em aberto na entrevista do secretário extraordinário de parcerias do governo gaúcho Leonardo Busatto, que disse à GZH:

    – A proposta é pedágio na 118. A alternativa é tirar a 118 das concessões e não ter investimentos pelos próximos 30 anos. Demorou quase 30 anos para duplicar. Em pouco tempo, voltará a ficar cheia de buracos e mal sinalizada, se não estiver na concessão. Mas é uma escolha.

    Na entrevista, Busatto alertou que pedagiar a RS-118 era uma proposta que poderia não ser seguida se a rejeição popular aumentasse, o que deixaria a rodovia sem investimentos públicos futuros, e, mesmo que de forma velada, deu a entender que a obra executada entre Sapucaia e Gravataí é de baixa qualidade.

    Se a proposta de pedágio admitida por Costella sair dos software, a duplicação entre Gravataí e Viamão ocorreria até o quinto ano do contrato, com ao menos uma praça de cobrança, com tarifa calculada em até R$ 7,37 por trecho (cobrança nos dois sentidos). Os locais estudados para a instalação ainda não foram informados pelo Governo do Estado.

    Ao fim, uma boa notícia.

    Que desta vez Leite não mude de ideia.

    Ou, como tratei em artigos como A Gravataí contra o pedágio na ERS-118; É privataria, seria um escândalo.

    Sobre fake news, que do jeito que fala no vídeo parecem ter sido inventadas por adversários políticos, o secretário Costella deveria ser tão efusivo nas reuniões internas dentro do governo, e não só ao falar contra o vento na 118.

    De fake news da campanha eleitoral ele está isento, já que fez campanha para o perdedor, José Ivo Sartori.

     

    LEIA TAMBÉM

    Leite inaugura duplicação da ERS-118, duas décadas depois

    • coronavírus
      Por que vereador de Gravataí foi vacinado contra COVID aos 31 anos
      por Rafael Martinelli
    • negócios
      Com ’milhares de empregos’, Lojas Americanas projeta ampliação de centro de distribuição em Gravataí
      por Redação
    • emprego
      A GM de Gravataí está contratando; Saiba como se cadastrar
      por Redação
    • saúde
      Parceria Zaffa & Marco Alba confirma ampliação da UTI de Gravataí: Prefeitura banca metade do investimento no Becker; O acerto Santa Casa
      por Rafael Martinelli | Assessoria
    • operação proximidade
      Cachoeirinha: O que intriga no ’caso SKM’ que agora apreendeu dinheiro do prefeito e de empresários
      por Rafael Martinelli
    • pedagiaço
      A Gravataí que não engole pedágio: ’Depois de 14 anos pagando a duplicação ninguém merece’; O país do faturo
      por Rafael Martinelli
    • negócios
      Os milhões que Gravataí já perdeu com a GM parada; Aguente firme, Dominic!
      por Rafael Martinelli
    • política
      Ação judicial pede anulação da Reforma da Previdência de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • pedagiaço
      Gravataí dos 3 pedágios: Leite confirma cobrança na 118 e 020 em Gravataí; Não era ’fake news’
      por Rafael Martinelli
    • política
      Vereadores querem mexer com 276 mil cada por ano; Cachoeirinha e o pior do Brasil
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      A ’despiora’ da COVID: platô é de 3 vidas perdidas por dia em Gravataí; São mortes com rosto, como os Denicol ou a profe Maura
      por Rafael Martinelli
    • ppp da corsan
      Falta de água e esgoto em Gravataí: Corsan anuncia meio bilhão e reservatório nas Moradas; Grito de Zaffa deu resultado
      por Rafael Martinelli | Assessoria
    • política
      O gravataiense que come a la minuta com Bolsonaro em Brasília
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Rodrigo Becker | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.