notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 04/08/2021

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    crise do coronavírus

    Prefeito convocou reunião com representantes da Corsan

    Sem água para lavar as mãos: ’Estamos cansados das desculpas da Corsan’, diz Zaffa

    por Redação | Assessoria | Publicada em 05/03/2021 às 20h01

    A sociedade passa por um momento delicado em que o simples ato de lavar as mãos pode salvar vidas. Porém, em Gravataí, as pessoas ainda sofrem com a falta de água. Já não suportando mais o descaso com o qual a cidade é tratada pela Corsan, autarquia do governo do Estado responsável pelo abastecimento, o prefeito Luiz Zaffalon convocou uma reunião nesta sexta-feira, 5, com representantes da diretoria de operações da estatal para pedir providências concretas com relação a esse problema histórico.

    – Não é possível mais aceitar que, em pleno 2021, a Corsan não consiga manter um abastecimento de água satisfatório em Gravataí. Todos os dias, algum ponto da cidade sofre com o desabastecimento e nada é feito. Estamos cansados de desculpas. Queremos que a empresa apresente um plano de ações para resolver, de uma vez por todas, este problema – disse o prefeito.

    Zaffa, com o conhecimento de quem presidiu a companhia no governo Yeda Crusius (2007-2010), pediu que um cronograma com quatro obras essenciais para a cidade seja apresentado. São elas: um novo reservatório com capacidade para 3 milhões de litros para a Morada do Vale (este já está licitado e tem uma empresa vencedora, precisando que a obra seja iniciada); uma nova adutora que se estenda da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Cachoeirinha até o centro de reservação do bairro Vista Alegre (obra já licitada e que deve resolver o problema de abastecimento da região das moradas); uma nova adutora que permita a ligação da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Gravataí ao centro de reservação do bairro Cipestres (ainda sem licitação); e uma rede que possibilite a interligação, por meio de adutoras, entre os sistemas Vista Alegre e Ciprestes, para garantir estabilidade ao abastecimento.

    – Não queremos e não aceitamos mais desculpas. A falta de energia na captação pode ser resolvida com geradores. As ligações irregulares, os famosos “gatos” na rede, devem ser regularizados, assim como o nível do rio precisa ser trabalhado. Nada é mais desculpa aceitável para o tratamento que Gravataí vem recebendo da Corsan – ressalta Zaffa, lembrando que a Região Metropolitana de Porto Alegre concentra 25% do faturamento da autarquia.

    – Nenhuma empresa trata os seus melhores clientes com o descaso que a Corsan vem tratando Gravataí.

    O diretor de Operações da Corsan, André Finamor, presente à reunião, se comprometeu a apresentar o plano de ação solicitado pelo prefeito até o próximo mês de maio.

    – Precisamos que a Corsan diga o que vai fazer e quando vai fazer, ou que diga que não consegue solucionar os problemas de Gravataí. Se esse for o caso, eu vou buscar outra solução. Chega de a cidade ficar sem água – finalizou o prefeito.

    • política
      Adesão de Gravataí a privatização da Corsan não é uma certeza; 4 bi torrados para o selo ’liberal do ano’ de Leite
      por Rafael Martinelli
    • luto
      Tragédia leva Sônia Oliveira, filha de Dorival, secretária da educação e ’rainha’ do MDB de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • operação cidade de deus
      Por que vereador de Cachoeirinha foi preso na operação Cidade de Deus
      por Rafael Martinelli
    • crise no transporte
      Gravataí e Cachoeirinha: estudo mostra ser irreversível subsídio como para Sogil e Transbus
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      39 vidas foram perdidas, mas Gravataí tem menores índices do ano; Por que ainda não é hora da ’festa da covid’
      por Rafael Martinelli
    • política
      Zaffa não gostou do projeto de novo IPTU para Gravataí; ’Não quero aumentar impostos’
      por Rafael Martinelli
    • política
      Cachoeirinha, como Gravataí, indenizou empresa de ônibus por perdas na pandemia; A institucionalização do subsídio
      por Rafael Martinelli
    • política
      Gravataí terá 280 milhões em investimentos: ’Se Marco Alba fez revolução com 80 milhões, imagina o que podemos fazer’, diz Zaffa
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Rodrigo Becker | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.