notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 26/05/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    o seguinte indica:

    Marcelo Odebrecht em setembro de 2015 | Foto HEULER ANDREY

    Executivos da Odebrecht começam a assinar delação e maremoto se aproxima de Brasília

    por Gil Alessi | El País | Publicada em 02/12/2016 às 13h31

    Há meses a elite política brasileira teme a colaboração dos executivos da maior construtora do país

     

    As delações premiadas mais aguardadas da Operação Lava Jato – e as potencialmente mais danosas para o Governo Michel Temer e para a elite política brasileira em geral – começaram a ser assinadas nesta quinta-feira. A construtora Odebrecht, a maior do setor na América Latina, firmou um acordo de leniência (ajuste de conduta) com o Ministério Público Federal. Foi o primeiro passo para que dezenas de executivos e diretores da empreiteira, inclusive o ex-presidente Marcelo Odebrecht, pudessem finalmente também começar a assinar acordos de colaboração com a Justiça negociados há meses nesta quinta.

    Os termos do acordo de leniência preveem que a empresa pague uma multa de 6,7 bilhões de reais ao longo de 23 anos – a maior indenização paga por uma companhia brasileira por crimes de corrupção. Em valores corrigidos, o montante chegará a 8,5 bilhões. Parte dos recursos será revertido para autoridades dos Estados Unidos e Suíça, mas a maioria irá para os cofres públicos brasileiros, de acordo com a Folha de S. Paulo.

    Em contrapartida, a Odebrecht poderá continuar firmando contratos com o poder público, algo visto como fundamental para que continue suas operações e não feche as portas.

    O Seguinte: recomenda a leitura da reportagem do El País, que traz a nota oficial divulgada pela Odebrecht, clicando aqui.

    • crise do coronavírus
      Uma máscara para 30 dias na UPA; vereador denuncia empresa terceirizada
      por Rafael Martinelli
    • 3º Neurônio | opinião
      Outro apocalipse: será impossível recuperar boa parte da vida que tínhamos antes da COVID 19 surgir?
      por John Gray | El País
    • crise do coronavírus
      Mais duas mortes pela COVID 19 em vizinho de Gravataí
      por Cristiano Abreu
    • crise do coronavírus
      Contágios em famílias de Gravataí mostram perigo do vírus; é homicídio, não suicídio
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataí não terá ’apartheid escolar’; Marco Alba, proíba o governador de mandar alunos pobres para sala de aula!
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataí não volta às aulas em junho; alerto para o ’apartheid escolar’
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      5 profissionais da UPA de Gravataí tem COVID; é o ’novo normal’
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Em nota, vereador de Gravataí reage à ’denúncia das fake news’
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Governo federal não mandou respiradores para Gravataí; o ’plano B’
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      A reinvenção do comércio de Gravataí; o exemplo do Doug
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Áudio de vereador está no Ministério Público em ’denúncia das fake news’; ouça
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Profissionais da UPA são testados para COVID 19; Gravataí tem 50 casos
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Cachoeirinha supera Porto Alegre em incidência da COVID; um dia de 23 confirmações
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Cristiano Abreu | EDITOR | cristiano@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.