notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 20/05/2018
pequenas empresas, grandes histórias

O empresário Fernando e a sua Zenker Art Home, dando continuidade a um negócio iniciado pelo seu avô há cerca de 70 anos

COM VÍDEO | Zenker inaugura loja conceito sem igual na região

por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt | Publicada em 28/09/2017 às 16h57| Atualizada em 04/10/2017 às 15h33

A única loja conceito do gênero, em toda Região Metropolitana e Vale dos Sinos – exceção à capital, Porto Alegre – está sendo entregue ao público no centro de Gravataí, no começo desta noite, em coquetel que deve reunir autoridades, empresários e profissionais da área de engenharia, arquitetura e decoração de interiores, principalmente estes.

É a Zenker Art Home, na Major Ismael Alves, 272, minuciosamente, cuidadosamente planejada com o toque pessoal de Luis Fernando Fieddler Zenker, um empresário de 42 anos que dá continuidade à atividade familiar iniciada há uns 70 anos, com seu avô, Oswaldo Fieddler, ainda em Porto Alegre.

Já conto a história!

Fui com meu fiel escudeiro e editor de imagens Guilherme Klamt, hoje pela manhã, conhecer a loja do Fernando. Particularmente esperava encontrar um ambiente repleto de mostruários e produtos estocados em prateleiras, coisa do comércio tradicional.

Fomos agradavelmente surpreendidos por um ambiente clean, em que a decoração dos espaços é o mostruário e onde prateleiras, na verdade apenas uma, reserva espaço para rolos do produto carro-chefe, o papel de parede. A loja Zenker Art Home trabalha também com tapetes, persianas, toldos e cortinas.

A representação é de produtos de grife, principalmente importados, e o público alvo é formado exatamente pelos arquitetos, engenheiros, designers e experts em decoração. E a demonstração de Fernando é um show, com o know-how de quem está "desde criança" no mercado.

 

Com assessoria

 

O objetivo de Fernando Zenker não é exatamente formar uma carteira de clientes, mas conquistar amigos através de um atendimento personalizado. Se este cliente não é um profissional da área, dependendo das pretensões recebe o atendimento do próprio empreendedor.

Se são grandes as pretensões, o cliente é indicado à assessoria de um dos muitos profissionais – aquele que mais se ajusta ao que está sendo pensado por quem quer comprar – das relações de Fernando.

 

Na loja

 

Um ambiente com poltronas para recepcionar quem chega. Uma mesa que sugere reuniões ou discussões em torno de produtos e projetos e cores e texturas. Outras mesas, mais cadeiras. Um amplo balcão com mostruários que, à primeira vista, remetem aos enormes e antigões atlas de história e geografia que se encontrava nas bibliotecas...

No mais, uma surpresa a cada movimento!

O que parece ser um papel de parede com aplicações em relevo, na verdade é um mostruário com três variantes de cores e texturas de papel de parede separadas, justamente, pelo detalhe em relevo. Aliás, papel de parede que segundo Fernando é a tendência da construção moderna.

--- E Gravataí tem um potencial muito grande para consumir este tipo de produto que é cada vez mais utilizado no mundo todo. Basta ver o grande número de projetos habitacionais recentemente lançados na cidade --- diz Zenker.

Segundo o empreendedor, que não revela o quando investiu na loja que vem sendo preparada desde abril deste ano e que está em funcionamento já há cerca de um mês, o papel de parede é um substituto à pintura que vem sendo largamente empregado pela praticidade da aplicação e o resultado imediato.

 

Modernidade

 

Outro aspecto importante destacado por Fernando Zenker é o uso crescente da automação e motorização, em cortinas e toldos. Aperta-se um botão e a cortina desce, ou sobe. E a motorização pode ser com energia diretamente ligada à rede ou através de baterias recarregáveis, que evitam a exposição da fiação, por exemplo.

--- A automação é uma consequência da evolução tecnológica. Quem, hoje, quer sair de sua poltrona para trocar o canal ou ajustar o volume da sua televisão se tem o controle remoto ao seu alcance? No futuro, e isso não está longe, quase todos os projetos deverão contemplar aspectos tecnológicos para facilitar a vida das pessoas --- prevê.

 

Veja abaixo o vídeo produzido pelo Seguinte: na Zenker Art Home.

 

E a história?

 

Ah, sobre as cerca de sete décadas dos Fieddler e Zenker neste ramo de atividades, que escrevi lá no início...

 

1

O avô de Fernando, Oswaldo Fieddler, ainda em Porto Alegre prestava serviço de manutenção e higienização de cortinas e tapeçarias para empresas de Porto Alegre. Isso há cerca de 70 anos.

 

2

Ainda na capital, o pai de Fernando, e um tio, respectivamente Emílio Zenker e Ivo Fieddler ampliaram a empresa de prestação de serviços, ainda utilizando métodos artesanais e rudimentares, na avaliação do empresário que representa hoje a terceira geração da família.

 

3

Com a popularização de artigos e produtos – cortinas e tapetes – Emílio decidiu pela instalação de uma loja própria, já em Gravataí, na avenida Dorival de Oliveira, altura da parada 78, ou próximo do popular Parcão. Isso em 1992.

 

4

Em 2012 e diante da necessidade de ampliar espaço para dispor de mais produtos para a crescente clientela e melhor atender às pessoas, a loja mudou para um prédio maior, ainda na Dorival e não muito longe da parada 78.

 

5

Fernando, que é natural da aldeia dos anjos e trabalhava com o pai desde criança – “Eu já nasci trabalhando neste ramo!”, diz – deste então aprimorou conhecimentos e relacionamentos, inclusive com fornecedores, e projetou a Zenker Art Home para ser a loja especial que entrega hoje à comunidade.

 

Veja fotos:

: Fernando Zenker e, na parede, diferentes tipos de papel de parede

 

: Pode acreditar: mais uma variação de papel de perede dos muitos que encantam na loja de Fernando

 

: Atrás de Fernando Zenker três desenhos e texturas de papel: acima, entre os destalhes brancos e abaixo

 

: Assim como a maioria dos produtos, maior parte dos produtos de tapeçaria também é importada por Fernando

 

--- O PAPEL DE PAREDE, UTILIZADO CADA VEZ MAIS EM LARGA ESCALA, PODE ATÉ PARECER QUE TEM UM CUSTO MAIOR DO QUE A PINTURA. MAS OS RESULTADOS SÃO MELHORES, A APLICAÇÃO NÃO PROVOCA SUJEIRA E OS EFEITOS VISUAIS SÃO IMEDIATOS.

 

Fernando Zenker
Empresário e dono da Zenker Art Home

SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
Gráfica e Editora Vale do Gravataí
Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

redacao@seguinte.inf.br

Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.