notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 14/11/2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    luto

    Aline Fofonka faleceu aos 36 anos | Foto ARQUIVO PESSOAL

    Antes do tie break: o legado de Aline Fofonka

    por Róbinson Gambôa | Publicada em 19/06/2018 às 15h15| Atualizada em 25/06/2018 às 13h17

    O jornalista Róbinson Gambôa, que acompanhou desde o início a trajetória esportiva de Aline Fofonka, preparou a pedido do Seguinte: um artigo sobre a ex-atleta e coordenadora do curso de educação física da Ulbra, falecida nesta segunda

     

    A mesma geração de atletas que colocou Gravataí no mapa do Vôlei mundial nos anos 90, liderada pelo ídolo Paulão Jukoski, criou outros personagens importantes nessa história, e um deles sem dúvida foi Aline Fofonka. Numa família de atletas e apaixonados por esportes, Aline não se contentou em seguir à sombra do irmão mais famoso do futebol e foi escrever sua própria trajetória, nas quadras e, mais tarde, levando seu conhecimento a seus alunos, como educadora.

    Aline foi contemporânea de Mônica Paludo, Karine Ritter, Janelson, Pacheco e tantos outros. Do Gensa, seguiu para a Sogipa, mas sua postura firme e bem articulada já dava mostras de que sua maior contribuição ao esporte seria mesmo fora das quadras.

    Gravataí sempre criou personagens abnegados, voluntários a serviço da educação, altruístas que acreditam na causa do esporte como ferramenta pedagógica. Aline soube dar sua contribuição a esse contexto, deixando para crianças e adolescentes o seu legado nas quadras. Aline nos deixa cedo demais, com a licença poética de um tie break, mas ganha o reconhecimento de que sua luta por valorização do esporte na Aldeia vai deixar frutos.

    • meio ambiente
      Cobrança pela água do Gravataí pode gerar R$ 9 mi em um ano
      por Eduardo Torres
    • desejo azul
      Gremistas entregam alegria para crianças doentes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • seu bolso
      OPINIÃO | Silvio Santos é um velho babão
      por Rafael Martinelli
    • cachoeirinha
      Asfalto em 33 ruas é símbolo para governo Miki
      por Rafael Martinelli com assessoria
    • educação
      OPINIÃO | O big brother da escola sem partido em Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • história
      A história da Cachoeirinha do primeiro pedágio
      por Eduardo Torres
    • coluna do silvestre
      ‘Jardins do pesadelo’ estão perto do fim?
      por Silvestre Silva Santos
    • meio ambiente
      Semana para definir rumos da proteção do Rio Gravataí
      por Eduardo Torres
    • política
      OPINIÃO | 25 nomes para prefeitura de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • polícia
      Jovem executado por engano em hospital era de Cachoeirinha
      por Silvestre Silva Santos
    • vereadores
      Quem leva a presidência da câmara de Gravataí?
      por Rafael Martinelli
    • gravataí
      OPINIÃO | Aumento para os vereadores? Não recomenda-se
      por Rafael Martinelli
    • 2020
      OPINIÃO | A sucessão nas mãos de Marco Alba
      por Rafael Martinelli
    • violência no esporte
      O soco que mudou a vida de Régis
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.