notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 16/01/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    coluna do leandro

    A madrugada em que a gerente bacana saiu do Face

    por Leandro Melo | Publicada em 23/04/2018 às 13h36

    Já fazia algum tempo que ela almoçava sozinha e os cumprimentos de corredor se limitavam a um sorriso de quem não entendeu a piada. Aos poucos se dava conta de que ser uma gerente bacana que se importava com a vida dos funcionários já não era suficiente para cativar simpatia. Mas afinal o que deu errado? Foi algo que disse, que fez ou mandou fazer?

    Aos poucos foi entendendo que o motivo para tanta apatia era sua nova resolução. Nada que tenha sido expresso em um memorando ou e-mail corporativo. Nada que fosse resultado de longo planejamento ou que pudesse solucionar as questões da empresa. Apenas uma decisão que tomara depois do último encontro malsucedido, em casa, por volta das 2h23: não atualizar, comentar, curtir ou compartilhar a vida no Facebook. Marília nunca imaginou que a sensação de libertação física e mental que experimentou no momento em que desinstalou o aplicativo do celular (para não ver mais as angustiantes notificações que lhe roubavam uma centena de preciosos segundos diários) lhe traria tantos problemas no Mundo do Trabalho.

    Por isso, sumiram as frases de motivação que postava na timeline dos integrantes da equipe de televendas. Em seguida, não se viu mais a afetividade digitalizada nas felicitações a aniversariantes muito próximos do escritório central. Ficaram invisíveis também os check-ins que inspiravam colegas sem muita criatividade para decidir onde comer ou dançar. E como confiar em alguém que não se posiciona frente aos estarrecedores acontecimentos políticos e econômicos com um texto que não cabe na tela do smartphone?

    Nas primeiras semanas de iluminação resistiu bravamente, mas os olhares de reprovação por não compartilhar o meme do estagiário de TI que explicava a crise no oriente médio a transformou numa alma perdida, no limbo do mundo real. Ser relegada ao esquecimento pelos colegas mais próximos foi um duro golpe na autoestima. Desde que deixou o cargo, dedica-se ao envio de solicitações de amizade para as quais não tem retorno. Pelo que se conta, foi vista pela última vez com fotos de gatos no Instagram.

    • rs
      Ninguém de Gravataí no governo Leite
      por Rafael Martinelli
    • segurança
      Um mês para APPs dizerem como cuidam seus motoristas
      por Eduardo Torres
    • segurança
      O debate fetichista sobre a redução da maioridade
      por Rafael Martinelli
    • educação
      Ulbra Gravataí demite um quinto dos professores
      por Eduardo Torres
    • coluna do silvestre
      App leva profissionais da beleza até você
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • habitação
      Moradores querem financiar casas da Granja em 35 anos
      por Eduardo Torres
    • educação
      Kit escolar da Prefeitura tem data para ser entregue
      por Silvestre Silva Santos
    • polêmica
      Gravataí e Cachoeirinha podem ter armas liberadas
      por Rafael Martinelli
    • segurança
      Outro baleado, mas poucos motoristas param na região
      por Eduardo Torres
    • opinião
      Farda não garante santidade; promoção, talvez
      por Rafael Martinelli
    • crime na saúde
      MP detalha repasses do Gamp e empresa de Gravataí
      por Eduardo Torres
    • freeway
      Marco Alba comemora troca de praça do pedágio
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Stédile, irmão de líder do MST é secretário de Leite; a verdade
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      CCR confirma mudança do pedágio
      por Silvestre Silva Santos
    • segurança
      Contra violência, motoristas de aplicativos prometem parar
      por Eduardo Torres
    • parceria público-privada
      RS-020 será concedida com pedágios
      por Rafael Martinelli
    • investigação
      MP faz conexão da investigação no Inter com Gravataí
      por Eduardo Torres
    • luto
      Não podemos ser como o Vilmar?
      por Rafael Martinelli
    • segurança
      Conheça os números da criminalidade em Gravataí
      por Silvestre Silva Santos
    • cultura
      Em Cachoeirinha, a leitura tem parada obrigatória
      por Eduardo Torres | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.