notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 21/11/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    coluna do silvestre

    Engenheiro elétrico que comandou a fábrica de pneus da Pirelli de Gravataí por 35 anos está de volta, agora para comandar a transferência da produção para o interior de São Paulo.

    EXCLUSIVO | Mudou o comando da fábrica da Pirelli de Gravataí

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 31/10/2019 às 15h32| Atualizada em 15/11/2019 às 15h49

    O diretor que comandou o chão de fábrica e as transformações ocorridas na unidade da empresa desde que chegou a Gravataí em 8 de maio de 1976, Gilberto Rossi Gil, está de volta ao cargo. Ele reassumiu a administração da Pirelli em Gravataí.

    Como tudo dentro da empresa, a volta de Gil se deu sob o mais absoluto "segredo de estado guardado a sete chaves", bem no estilo dos 'capos' italianos, no começo deste mês. E a revelação foi feita de modo involuntário pelo prefeito Marco Alba (MDB), nesta quarta-feira.

    Na reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codes), Alba saudou, como sempre faz - entre outros nomes -, o retorno do diretor da fabricante italiana de pneus como conselheiro do Codes.

    Gilberto Gil confirmou depois, para o colunista, que voltou ao cargo no começo do mês, sem revelar o dia exato. Antes disso, desde julho passado Gil já vinha prestando serviços de consultoria para os italianos.

    A primeira passagem de Gilberto Gil – que tem formação como engenheiro elétrico - como diretor da unidade da Pirelli no Parque dos Anjos se estendeu por 35 anos, a contar de 1983 e até o ano passado, 2018.

     

    Transição

     

    O engenheiro Gilberto Gil ainda me contou que seu retorno se deu também para comandar o processo de transição que a fábrica de Gravataí vive, com o anúncio de que a produção será encerrada aqui para ser centralizada em Campinas, São Paulo.

    Segundo garantiu, o processo de transferência da produção da Pirelli – que deve ser concluído em 2021, para o interior de São Paulo, está mantido.

    --- Nada muda. Tudo que foi acertado continua valendo --- assegurou, referindo-se aos planos para desligamento dos funcionários – cerca de 900 – que incluem desde estabilidade por metas atingidas e indenização especial.

     

    LEIA TAMBÉM

    Pirelli vai fechar fábrica de Gravataí e demitir 900 empregados

    COM VÍDEO | Anúncio da Pirelli tem impacto maior no futuro dos empregados

    Pirelli, uma fábrica em depressão; entenda o que está acontecendo

    Pirelli já era; choremos juntos e shallow now

    Sindicatão italiano pressiona Pirelli por Gravataí

    A estabilidade até 2021 na Pirelli; da depressão ao grito

    EXCLUSIVO | Prometeon pode seguir Pirelli e deixar Gravataí

    Como ficou plano de incentivo a demissões na Pirelli; adesão vai até dia 24

    Sem acordo assinado, indenizações da Pirelli restariam suspensas
     

     

     

     

     

     

    • 3º Neurônio | comportamento
      Terapia de casal, mas de casal de amigos
      por Ana Bulnes Fraga | El País
    • 20 de novembro
      Gravataí abre a Semana da Consciência Negra
      por Redação
    • opinião
      O dia em que a Câmara foi o STF; e deu empate!
      por Rafael Martinelli
    • personagens
      Quem é Sirmar Antunes, o ator que respira arte, negritude e Gravataí
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      A reeleição de Miki e a desfiliação de Ibarú e Marco
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Cassação ameaça outra conselheira tutelar eleita
      por Rafael Martinelli
    • educação
      Escola Tuiuti está mais perto do fim
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Aniversário de Miki mostra força para reeleição
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Repercussão política foi instantânea do ’reajuste zero’
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      LDO prevê ’reajuste zero’ para funcionalismo
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.