notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 20/08/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    coluna do silvestre

    Encontro de fuscas do dia 18 na Caergs é embrião do Volks Clube Gravataí para realizar novas promoções oficiais, quem sabe ainda neste ano.

    COM VÍDEO | A Caergs em ebulição

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 09/05/2019 às 18h52| Atualizada em 13/05/2019 às 15h03

    Feirinha Dia das Mães, com artesanato, petiscos (doces e salgados) típicos do arquipélago, hortifrutis orgânicos e outras iguarias no próximo sábado – também conhecido como depois de amanhã, das 10h às 14h. Se chover, fica para o final de semana seguinte.

    Encontro de Fuscas e seus derivados, no outro sábado, dia 18 de maio, promovido pelo Volks Clube Gravataí. Vai ser das 14h às 18h e é aberto aos amantes dos fusquinhas – e suas famílias – que querem tomar um chimarrão e trocar ideias sobre suas máquinas, conservação e como incrementá-las.

    O retorno da Noite no Solar, um sarau que vai aconteceu uma vez por mês a partir do mês que vem com viés cultural, doces e salgados, música e declamação, além de outras atividades.

     

    Portas abertas

     

    Estas são as atividades que estão programadas para os próximos dias pela Casa dos Açores do Rio Grande do Sul (Caergs) que tem sede em Gravataí. É a presidente Carla Verônica Cedros Fernandes Marques Gomes cumprindo a promessa que fez quando assumiu o cargo, no começo de junho do ano passado.

    O Seguinte: publicou, na ocasião:

    --- Um dos objetivos da nova presidente, segundo enfatiza, é abrir não só as portas, mas também as janelas da Casa para a comunidade de Gravataí, da Região Metropolitana e todas as pessoas de qualquer lugar que queiram conhecer um pouco das tradições açorianas, um arquipélago de nove ilhas vulcânicas a mais de 1 mil quilômetros do continente português, em pleno Oceano Atlântico.

    Para movimentar a Casa, Carla Verônica Cedros Fernandes Marques Gomes convida a comunidade para que não apenas visitem o local, mas realizem seus eventos na Casa dos Açores que é um local bonito e dispõe de bom espaço para festas de aniversários, casamentos, seminários, enfim...

    Sem contar o envolvimento da diretoria e da Caergs com a Festa do Divino Espírito Santo – de 5 a 9 de junho próximo – e o projeto que visa ter, na Casa dos Açores, um coral. As primeiras audições foram realizadas ontem (8/5) com a maestrina Drika Carvalho.

     

    LEIA TAMBÉM:

    COM VÍDEO | Quem é a açoriana que vai presidir a Caergs

     

    : Leandro e Ângela falaram sobre eventos na Caergs

     

    Por partes...

     

    A Feirinha da Caergs é uma promoção que acontece todos os meses, esta vai ser a quarta edição, e desta vez com um apelo especial, o Dia das Mães. Quase tudo que será exposto para comercializar pode ser adquirido para presentear as mães, segundo a presidente Carla.

    Já o encontro de fuscas, dia 18, tem a proposta de retomar os tradicionais encontros que o Volks Clube Gravataí promovia desde que foi fundado em 2009 e que, segundo o presidente Leandro Medeiros Lebkuchen, não acontecia há três anos.

    --- A expectativa é que possamos reunir pessoas que têm fuscas, ou derivados de fuscas, para um chimarrão, um bate-papo em família... Quem sabe trazer novos sócios para o clube e, se der tudo certo, quem sabe promover um encontro oficial ainda neste ano --- disse Leandro, para o Seguinte:.

    E a Noite no Solar. É um projeto contemplado com verba pelo Fundo Municipal da Cultura e que deve ter nove edições, sempre na primeira quinta-feira de cada mês a partir de junho. Menos o primeiro encontro que deve ser, pelo curto prazo para sua organização, na segunda quinta de junho, dia 13.

    --- É um sarau em que a gente quer reunir pessoas para conversar, debater algum tema específico da área cultura, quem sabe ouvir música, declamar, degustar algum petisco --- antecipou a diretora de eventos da Caergs, Ângela Maria Fonseca Barbosa dos Santos.

     

    Veja o vídeo com a reportagem do Seguinte: clicando na imagem abaixo.

     

    MAMÃE FUSQUEIRA

     

    A auxiliar de biblioteca Kethleen Fanfa Fontoura, 23 anos, torcedora do Internacional, é dona de um fusca. Azul.! E é mãe da Júlia, que neste domingo completa dois meses, e casada com o jornalista Rafael Trajano há cerca de dois anos.

    Nos últimos dias, confessa, o fusca que comprou há cerca de um ano tem ficado um pouco de lado, pela atenção que a Julinha tem exigido da mamãe de primeira viagem.

    Mas Kethleen garante: Dia 18 vai estar no encontro de fuscas organizado pelo Volks Clube de Gravataí, na Caergs. Com direito a chimarrão, e um detalhe: vai ser o primeiro passeio da filha a bordo do azulão!

     

    O Seguinte: conversou com Kethleen agora à tarde. Confira!

     

    Seguinte: - Há quanto tempo tens fusca?

    Kethleen – Em julho vai fazer um ano que compramos. Fiquei um ano procurando um fusca perfeito e acabei indo buscar este em novo Hamburgo.

     

    Seguinte: - Qual o ano e modelo?

    Kethleen – O nosso é um fusca ano 1977, modelo 1.300.

     

    Seguinte: - Desde quando tens esta fixação em fuscas?

    Kethleen – Desde os 12 anos, por aí, tenho uma fixação por tudo que é antiguidade. Com o fusca não foi diferente, fui aprimorando o gosto conforme fui pesquisando sobre o carro. Deu no que deu!

     

    Seguinte: - Usa o fusca para deslocamentos pela cidade, viagens de passeio?

    Kethleen – Uso o fusca mais para passeios, mas morro de medo de estacionar em qualquer lugar por ser muito visado para roubo. Daí acabamos saindo menos, com ele.

     

    Seguinte: - Recentemente destes Julia à luz. Estás te dividindo entre o fusca e a filha?

    Kethleen – Desde que a Júlia nasceu ele está mais paradinho, mas estamos reformando ele, dividindo a atenção entre ela e ele... São dois bebês, digamos que o gasto é o mesmo, e dá quase o mesmo trabalho.

     

    Seguinte: - Aliás, a Julinha já foi passear no fusca?

    Kethleen – A Júlia ainda não andou, o primeiro passeio vai ser nesse evento (o Encontro de Fuscas) lá na Casa dos Açores!

     

    Seguinte: - Para encerrar, curiosidade: quanto tu gasta, aproximadamente, por mês, com o fusca?

    Kethleen – Nossa!... Isso varia muito porque todo mês estamos comprando coisas diferentes. Mesmo que sejam coisas de brick, sempre vai um dinheirinho. Recentemente bateram no nosso fusca e eu tive que fazer toda lateral. Só nisso já foi mais de R$ 1 mil para deixar ele zero de novo.

     

    : Kethleen, com a filha Júlia, no seu fusca azul

     

    LEIA TAMBÉM:

    COM VÍDEO | Caergs quer maior aproximação entre Açores e o estado através da cultura e da música

    COM VÍDEO | Gravataí é a capital dos Açores a partir de quarta

     

     

     

     

     

     

    • supermercados
      Agas quer vendas de R$ 520 milhões na Expoagas 2019
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • eleição 2019
      A lista de quem pode concorrer ao Conselho Tutelar
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Em recuperação, vereador Nadir ainda evita visitas
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Anabel também vai para trás do muro? Postou e apagou Lula
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Áureo assume Mobilidade; na fila para Prefeitura
      por Rafael Martinelli
    • tecnologia da informação
      AGTI coloca Gravataí na vanguarda
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • cultura
      Falta uma semana para o Festival de Teatro
      por Redação
    • economia
      2 em cada 10 novas vagas são por dia ou horas
      por Heloísa Mendonça | El País
    • av. dos estados
      Um dos maiores problemas de alagamento perto da solução
      por Redação
    • opinião
      Stasinski vs Márcio Souza; quem ganhou o PV de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • duplicação
      Presidente do BNDES elogia ritmo das obras na RS-118
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • panificação
      Uma indústria que só cresce em Gravataí e Cachoeirinha
      por Silvestre Silva Santos
    • coluna do silvestre
      O novo Asun de Gravataí quer expandir a rede
      por Silvestre Silva Santos
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.