notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 18/11/2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    coluna do silvestre

    No último Almoçando com a Acigra do ano: Luis Felipe Ducati, presidente Régis Albino Marques Gomes, Sérgio Pereira e Glauber Pacheco Migliavaca

    COM VÍDEO | O sucesso de Sérgio Pereira, Glauber Pacheco e Ducati

    por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt | Publicada em 25/10/2018 às 18h19| Atualizada em 08/11/2018 às 16h26

    Um show de otimismo e confiança no futuro. Foi a mensagem que deixaram os três empresários-empreendedores-investidores que foram painelistas ao meio dia de hoje (25/10) no evento “Almoçando com a Acigra”, organizado pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Gravataí e que reuniu um público de cerca de 150 pessoas no Intercity Premium.

    Os painelistas apresentados pelo presidente da Aciga, Régis Albino Marques Gomes, foram os empresários Luis Felipe Ducati, Glauber Pacheco Migliavaca e Sérgio Tadeu Pereira. O próprio Régis Marques Gomes, na condição de empresário, classificou o atual momento político do Brasil como muito importante por causa do segundo turno das eleições – para presidente e governador – de domingo que vem.

    --- É um dia que pode significar um novo passo para o nosso país que, nos últimos anos, nos fez enfrentar muitas dificuldades enquanto empreendedores --- falou o presidente da Acigra.

    Os painelistas, todos gravataienses que viveram um tímido começo na vida empresarial, falaram sobre suas trajetórias e deram dicas sobre como um empreendedor deve agir para alcançar o sucesso. E os três também exaltaram – com meias palavras – a situação política, disseram ter otimismo e manifestaram confiança na possibilidade de os resultados representarem avanços sócio econômicos para os brasileiros.

     

    O primeiro

     

    LUIS FELIPE DUCATI

     

    - Ex-proprietário da Imobiliária Ducati e ex-CEO Nacional da Lopes Brasil, atualmente sócio do Blanc Medplex Hospital, inaugurado em junho em Porto Alegre e que já temn planos de expansão para o Brasil.

    - Iniciou como corretor na Imobiliária Pessato quando seu pai ainda era um dos sócios da empresa, em 1999.  Em 2002 assumiu como gerente de uma incorporadora imobiliária, mesmo ano em que fundou a Imobiliária Ducati.

    - Em 2016 e 2017, após vender os 49% que lhe restavam da Ducati (já havia vendido 51% em 2010), trabalhou como CEO nacional da Lopes Brasil Consultoria de Imóveis, com atuação em todo território brasileiro.

    - Neste ano assumiu como sócio da rede Blanc Medplex Hospital, que inaugurou sua primeira unidade em junho, em Porto Alegre, e tem planos de implantar mais sete hospitais nos próximos cinco anos chegando inclusive ao mercado de São Paulo.

     

    --- Ser empresário é mais do que fundar, montar, ou ter uma empresa. É estruturar uma empresa com todos os requisitos necessários para que ela cresça, se expanda, sempre com resultados positivos.

     

    O segundo

     

    GLAUBER PACHECO MIGLIAVACA

     

    - Ex-funcionário em uma das agências de Porto Alegre de um ex-grande banco nacional. Conta que não vislumbrava oportunidades de ascensão dentro do banco e que optou por investir em um negócio próprio, com o apoio da família.

    - Glauber iniciou em casa mesmo a confecção de bermudas e camisetas que comercializava entre amigos, até que os negócios se expandiram para outras cidades do estado.

    - Hoje ele tem a FreeSurf com sede em Gravataí, fundada em 1990, com cerca de 2 mil pessoas trabalhando de forma terceirizada e outros 120 empregos diretos na empresa que fica próximo da Ulbra de Gravataí.

    - Entre outras adversidades, comentou sobre o preconceito de uma empresa voltada ao surf e ao público jovem estar sediada em Gravataí e, mais do que isso, no Rio Grande do Sul, quando a grande maioria das marcas voltadas a este segmento está no eixo São Paulo-Rio de Janeiro.

     

    --- Para alcançar o sucesso e se manter no topo é preciso se reinventar sempre, fazer diferente e fazer melhor porque o nosso concorrente está de olho no nosso produto, no nosso preço. E, para isso, ter pessoas comprometidas ao nosso lado é uma das receitas mais importantes.

     

    LEIA TAMBÉM

    COM VÍDEO | FreeSurf, de olho na onda perfeita

     

    O terceiro

     

    SÉRGIO TADEU PEREIRA

     

    - O bem sucedido empresário conhecido na cidade como “dono da Sogil”, fez uma revelação inédita: iniciou sua vida profissional consertando aparelhos de televisão para os empreendedores Vilmar e Nelson Gomes, donos de uma rede de 12 lojas de eletrodomésticos de Gravataí, região e até do Litoral Norte gaúcho.

    - Depois desta etapa, investiu em negócios próprios, como posto de combustíveis, revenda de bebidas, e até como sócio em uma livraria. Por sugestão do pai, José Alves Pereira, passou adiante seus negócios e foi trabalhar na Sogil.

    - Iniciou na empresa como funcionário do posto de combustíveis que ficava junto à antiga sede no Parque dos Anjos. Numa época em que a empresa ainda tinha vários sócios, e depois da aposentadoria do pai, diz que “trabalhou duro” para adquirir todas as quotas.

    - Depois da Sogil, há 30 anos fundou a Viação Santa Tereza (Visate) em Caxias do Sul, iniciativa que considerou uma ousadia muito grande já que não dispunha de dinheiro e, mesmo assim, adquiriu “de cara” 114 ônibus novos.

    - Há oito anos a Visate, de Sérgio Pereira, em sociedade com a Sogil, adquiriu a Auto Viação Navegantes, responsável por parte do transporte coletivo urbano de Porto Alegre e com sede no bairro Humaitá.

    - E em 2014 o empresário adquiriu a empresa Santo Anjo da Guarda, fundada em 1947 em Imbituba e hoje com sede em Florianópolis. Além do transporte urbano, a San Anjo faz o transporte interestadual de passageiros e locação de ônibus.

    - Sérgio Pereira, assim como seu principal sócio – José de Jesus Teiga Júnior – é hoje membro do Conselho de Administração da Sogil e diz que todas as funções executivas foram delegadas a diretores.

     

    --- Se tivesse que começar tudo de novo, com certeza recomeçaria. Claro que os tempos, hoje, são outros. Tudo se modernizou, mas as pessoas e organização empresarial ainda são fundamentais para se alcançar o sucesso.

     

    LEIA TAMBÉM

    COM VÍDEO | Sérgio Pereira, dono da Sogil

     

    Para saber

     

    Esta foi a última edição do ano do evento “Almoçando com a Acigra”, segundo o presidente Régis Albino Marques Gomes.

     

    Confira o vídeo do Seguinte: sobre o evento de hoje, da Acigra.

     

     

     

     


     

     

     

     

    • mais médicos
      Saída de médicos cubanos preocupa prefeitura
      por Rafael Martinelli
    • pequenas empresas, grandes histórias
      COM VÍDEO | Lentes que retratam vidas
      por Eduardo Torres | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • saúde
      Frente de prefeitos reage a saída de médicos cubanos
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Hoje até vereador comemora médicos indo embora
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Todo sábado é dia para adotar um pet na Sperk
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • meio ambiente
      COM VÍDEO | A nossa lista vermelha da extinção
      por Eduardo Torres
    • trânsito
      Fim da tranqueira no trânsito está mais próximo
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Saída de médicos cubanos é desastre para Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • eleições 2020
      OPINIÃO | Não façam Bordignon ’Miss Colômbia’ outra vez
      por Rafael Martinelli
    • meio ambiente
      Cobrança pela água do Gravataí pode gerar R$ 9 mi em um ano
      por Eduardo Torres
    • desejo azul
      Gremistas entregam alegria para crianças doentes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • seu bolso
      OPINIÃO | Silvio Santos é um velho babão
      por Rafael Martinelli
    • cachoeirinha
      Asfalto em 33 ruas é símbolo para governo Miki
      por Rafael Martinelli com assessoria
    • educação
      OPINIÃO | O big brother da escola sem partido em Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • história
      A história da Cachoeirinha do primeiro pedágio
      por Eduardo Torres
    • coluna do silvestre
      ‘Jardins do pesadelo’ estão perto do fim?
      por Silvestre Silva Santos
    • política
      OPINIÃO | 25 nomes para prefeitura de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • polícia
      Jovem executado por engano em hospital era de Cachoeirinha
      por Silvestre Silva Santos
    • vereadores
      Quem leva a presidência da câmara de Gravataí?
      por Rafael Martinelli
    • efeito cascata
      OPINIÃO | Vereadores, não aumentem os salários
      por Rafael Martinelli
    • 2020
      OPINIÃO | A sucessão nas mãos de Marco Alba
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.