notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 21/03/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    coluna do silvestre

    Majestic Tower projetado pelo M. Grupo não saiu do chão e terreno leiloado ontem deve ser ocupado, agora, por empreendimento imobiliário

    Quem comprou o terreno onde seria o prédio mais alto do estado anunciado pelo M. Grupo

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 10/08/2018 às 17h13| Atualizada em 17/08/2018 às 14h06

    Um mega condomínio residencial vertical, incluindo espaços para escritórios e outros estabelecimentos comerciais de menor porte, privilegiando o conforto e o lazer. Tudo isso, de olho na proximidade com a Freeway e –  por ela – o fácil acesso à capital dos gaúchos bem como ao Litoral Norte.

    Claro, levando em conta ainda o fato de estar ao lado de um centro comercial, o Gravataí Shopping Center, um hotel, torres comerciais, e a cinco minutos do centro da cidade.

    Por enquanto é apenas um exercício de futurologia do colunista que acabou de descobrir quem adquiriu o terreno onde seria construído o Majestic Business Tower, o prédio projetado para ser o mais alto do Rio Grande do Sul com 42 andares, obra anunciada pelo M. Grupo.

    No leilão, comandado pelo escritório Raupp Leilões, o terreno avaliado incialmente em pouco mais de R$ 830 mil foi adquirido por R$ 1,6 milhão, quase o dobro do preço mínimo estabelecido. O comprador foi uma empresa de Porto Alegre, a Aditar Participações Ltda, que aparece tendo como atividade fim o comércio de imóveis. Incorporação e empreendimentos imobiliários, pela terminologia jurídica.

    Daí a dedução do colunista sobre o empreendimento que deve brotar no terreno que era o sonho de consumo do dono do M. Grupo, Lourival Rodrigues.

    Ainda sobre a Aditar Participações, o colunista descobriu que se trata de uma empresa do bairro Sarandi em Porto Alegre, legalmente constituída em 12 de setembro de 2006 pelos sócios-irmãos Itamar Luiz e Adelar Antônio Lorenzatto, então com um capital social de R$ 4.258.606,00.

    O outro imóvel que foi apresentado em leilão nesta quinta-feira, um terreno com duas casas de luxo em Bom Princípio, no pé da Serra Gaúcha, não teve interessados. Como se trata de bem apresentado em único leilão, não há ainda previsão de que este imóvel seja apresentado novamente para venda judicial nesta modalidade.

     

    LEIA TAMBÉM

    Prédio de Gravataí que seria mais alto do RS foi para o espaço

    EXCLUSIVO | Mudou o comando do nosso shopping

     

     

     

     

    • gravataí
      Prefeito anuncia complexo de alunos especiais, escola e ruas
      por Redação
    • opinião
      A estratégia por trás do projeto para manter Ipag Saúde
      por Rafael Martinelli
    • cachoeirinha
      Rotativo vai ter tecnologia de ponta em Cachoeirinha
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Pressão por Ipag Saúde chega à Câmara; a inevitável greve
      por Rafael Martinelli
    • trânsito
      CCR atendeu 130 ocorrências por dia no primeiro mês na Freeway
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • entrevista
      Dr. Levi é candidato a prefeito em 2020
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Depois do temporal, GM diz que vai investir
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Prefeitura envia extinção do Ipag Saúde à Câmara
      por Rafael Martinelli
    • cultura
      Arte de Gravataí no caminho do trem
      por Eduardo Torres
    • rede sim
      Posto de R$ 15 milhões e 200 empregos abre neste ano
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Supremo colhe o sal que jogou na terra
      por Rafael Martinelli
    • seu bolso
      Gravataí facilita parcelamento para contribuinte evitar SPC
      por Redação
    • opinião
      Meu Face é um Dogolachan Nutella; teste o seu
      por Rafael Martinelli
    • polícia
      Deic apreende aves em cativeiro em Gravataí
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • opinião
      Cassação pelo TSE ameaça 3 vereadores de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.