notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 15/10/2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    me corta os tubos!

    Ela disse de tudo para o FDP

    por Silvestre Silva Santos | Publicada em 01/06/2018 às 17h49| Atualizada em 03/06/2018 às 11h15

    Da série me cortem os tubos! Me aguentem ou...

    Nos velhos tempos de estudante em Cachoeira do Sul eu era usuário assíduo do transporte coletivo. Coisas de uma empresa que chegou a ter na sua frota uns ônibus Alfa Romeu com duas alavancas de câmbio.

    Ou seja, o motorista, certas ocasiões, tinha que tirar as duas mãos da direção para trocar de marcha usando simultaneamente as duas alavancas. E o motor, atrás, era coisa de cinema. Acho que tinha potência para empurrar, ou puxar, sei lá, uma locomotiva de uns 30 vagões.

    Pois então!

    Depois disso, passei a trabalhar em empresas as quais me forneciam, ou cediam, ou emprestavam, ou eu forçava para que isso acontecesse, carros para que fossem usados no meu deslocamento diário. Claro que isso incluía passear com a família e até viagens pessoais.

    Mas isso é outra história.

    Mais recentemente fiz estágio, por assim dizer, em um gabinete de um deputado na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Foi um período de total transição na minha vida, pessoal e profissional, e eu tive que voltar a usar o transporte coletivo, entre Cachoeirinha (onde estava morando) e o terminal de ônibus que fica ali junto ao Camelódromo.

    Certa feita, final de tarde, andando pelo centro e já nas imediações do Mercado Público, deparei-me com uma moça, uma jovem, uma mulher enfim, ao telefone. Natural que encontremos milhares de pessoas ao celular, todos os dias, principalmente se isso acontecer em uma cidade grande, como é a capital do mundo – assim que eu gosto de chamar Porto Alegre.

    Porém...

    Eis o que ouvi:

    --- Eu não sei quem era a vagabunda que tu estava, mas eu vou descobrir e vou mandar quebrar ela a pau, tu te prepara.

    ...

    --- E o meu irmão tá indo aí daqui a pouco prá pegar todas as minhas coisas que estão na tua casa, seu f... d... p....

    ...

    --- Ah é? Tu vai ver! E devolve também o meu computador que tu tá só me enrolando.

    ET.: O FDP não sou eu, tá?

    Ouvir um diálogo desses, com a princesa berrando no celular, no meio da rua, nem Mastercard paga...

    Por estas e por outras que eu falo: para o mundo que eu quero descer! Ah, aproveita e me corta os tubos.

     

    • tráfico
      OPiNIÃO | A Lava-Jato contra as facções
      por Eduardo Torres
    • coluna do silvestre
      Estado promete RS-118 duplicada para este ano
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • eleições 2018
      OPINIÃO | Marco e o MDB apoiam Bolsonaro e filiam Áureo
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • habitação
      Audiência pública debate a regularização da Granja
      por Eduardo Torres
    • ensino superior
      Facensa tem curso com nota máxima no Enade
      por Silvestre Silva Santos
    • eleições 2018
      OPINIÃO | O oportunismo de Cláudio Ávila; e os outros
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.