notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 30/10/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    eleições 2020

    Leonardo Vargas e Leandro Silveira, na convenção que os definiu candidatos a prefeito e vice de Glorinha

    Leonardo e Leandro à Prefeitura de Glorinha: ’Os mesmo estão há 24 anos’

    por Rafael Martinelli | Publicada em 17/09/2020 às 19h24| Atualizada em 22/09/2020 às 08h58

    Leonardo Vargas o candidato a prefeito de Glorinha confirmado pelo MDB em convenção na noite desta quarta. O vice é Leandro Silveira (PSDB), dono da Casa do Frango e há 10 anos morador do município.

    O Seguinte: foi ouvir o administrador de empresas e pós-graduando em cooperativismo.

    Siga.

     

    Seguinte:  Enfrentaste a COVID-19 e perdeste teu pai, tua avó e teu avô está em recuperação. Pensaste em desistir da candidatura?

    Leonardo – Naquela semana trágica desisti, mas familiares e amigos me incentivaram, disseram que o pai, a vó, gostariam que eu não renunciasse à candidatura. Não é um projeto meu, mas a busca de um novo olhar para Glorinha, uma renovação política. Há 24 anos os mesmos se revezam no poder. Familiares e amigos não me permitiram não representar esse projeto.

     

    Seguinte: Foste linha de frente no movimento que não queria a instalação da Estre, uma gigante do lixo, mas também da geração de empregos. Como desenvolver Glorinha, que tem mais de 9 a cada 10 metros em área de preservação ambiental?

    Leonardo – É preciso equilíbrio para buscar o desenvolvimento de Glorinha dentro de suas características. Buscaremos atrair empresas, não só indústrias, que agreguem à cadeia produtiva. Nosso plano de governo busca incentivar a agroindústria, a agricultura familiar. É isso o que há de mais moderno. Também queremos aproveitar nossa localização e belezas naturais para atrair condomínios e loteamentos.

     

    Seguinte: Como agregar valor à produção primária, quando os grandes financiamentos são para exportação?

    Leonardo – Temos grandes produtores de arroz, de soja e pecuaristas que não precisam da Prefeitura. A prioridade tem que ser o pequeno produtor. E a melhor ajuda é com apoio técnico, consultoria de projetos, tecnologia, apontar o melhor cultivo para o solo, mostrar como corrigir, qual a melhor ração, prospectar o que terá melhor comércio e ajudar a vender. Você pode ter o melhor queijo da colônia, mas se não estiver dentro das normas sanitárias, o produtor não consegue vender. Nada disso se faz sem crédito. A Prefeitura precisa ajudar.

     

    Seguinte: Você é um jovem. Como manter o jovem em Glorinha e evitar o envelhecimento da cidade, o que reflete na economia local?

    Leonardo – A grande dificuldade é o primeiro emprego. E para o jovem ter oportunidades é preciso qualificação. Quero usar a estrutura da escola Ary Soares, no Centro, que hoje fica fechada à noite, para oferecer cursos em parceria com Senai, Senac e o Sistema S. A ideia é buscar a instalação de empresas e preparar a mão de obra local.

     

    Seguinte: Na Saúde, há algum plano diferente do atual governo?

    Leonardo – Foco na telemedicina e na medicina preventiva. Queremos implantar nas escolas municipais o programa cárie zero e ampliar a cobertura da saúde da família, além de reforçar a cobertura noturna de ambulâncias.

     

    Seguinte: Sempre dá polêmica a formação dos governos em Glorinha, com ‘estrangeiros’. Tens quadros locais para governar, ou é natural buscar pessoas de fora?

    Leonardo – Há muitas pessoas qualificadas para compor o governo e que nunca tiveram oportunidade. Minha ideia é valorizar aqueles que tem preparo e conhece a realidade da aldeia. Quero também governar com a Câmara como parceira, dialogando com os vereadores. É papel dos vereadores fiscalizar, mas não é preciso manter, ou criar ranços, depois que a campanha terminou. Farei de tudo para que os vereadores entendam nossos projetos e colaborem para aperfeiçoá-los.

     

    Seguinte: Acreditas em uma campanha focada nas coisas da cidade? Glorinha está livre da política do ‘rancho por voto’?

    Leonardo – Sinto que as pessoas querem propostas para os problemas da cidade. É hora de modernizar a administração, fazer um governo de portas abertas. Quero levar a Prefeitura aos bairros, às comunidades do interior, com todo secretariado, além de usar a tecnologia, com aplicativo que coloque a Prefeitura na palma da mão das pessoas, seja para dar sugestões, como para solicitar serviços. Um e-cidadão. O eleitor amadureceu muito em Glorinha, sentiu com a experiência de governos que não atenderam a população. Hoje Glorinha está atenta a seus políticos, com as pessoas pensando no que ficará para as gerações futuras.

     

    Seguinte: – Algo te inspira no governo Marco Alba, em Gravataí, que é do teu partido?

    Leonardo – Muito. É um espelho. Quero também pensar Glorinha não para o hoje, mas para o amanhã e o depois.

     

    LEIA TAMBÉM

    Em 7 dias, candidato a prefeito perde pai e avó para COVID 19

    COVID leva Carlinhos, emancipador de Glorinha e fundador do jornal da cidade

    • eleições 2020
      Com Marco Alba em férias, juíza assume Prefeitura
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      HC supera atendimentos do ’pico’ de agosto
      por Rafael Martinelli
    • obras
      Viaduto do km 80 da Freeway será bloqueado
      por Redação
    • eleições 2020
      Dimas recorre ao TRE para tirar Zaffa e Dr. Levi das urnas
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      Como Gravataí se prepara para vacina contra COVID-19
      por Rafael Martinelli
    • eleições 2020
      Em Glorinha, um debate como não deveria ser
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      O dia do ’liberou geral’ na pandemia de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • negócios
      Marco Alba entrega licenças para Zaffari
      por Redação
    • eleições 2020
      Quem ganhou, quem perdeu debate em Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.