notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 24/09/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    crise do coronavírus

    Foto AGÊNCIA BRASIL

    Governador quer mais mãos para colorir o mapa da COVID; a lógica do ’Decreto-Pilatos’

    por Rafael Martinelli | Publicada em 31/07/2020 às 12h20| Atualizada em 06/08/2020 às 18h28

    Parece-me que aquilo que chamei ‘Decreto-Pilatos’ é um grito do governador Eduardo Leite para socializar a desgraça no pior momento da pandemia. Colorido pelo vermelho das bandeiras do Distanciamento Controlado, o Rio Grande do Sul bateu pelo terceiro dia consecutivo o recorde de mortes em 24h. Gravataí e Cachoeirinha já somam 2.700 casos e 78 vidas perdidas para a COVID-19.

    O ‘Decreto-Pilatos’ é a proposta encaminhada às associações de municípios para dar maior autonomia aos prefeitos na definição de medidas restritivas, o que antecipei há duas semanas, em Eduardo Leite botou na dos prefeitos; Com ’Decreto Pilatos’, Marco Alba e Miki vão abrir ou fechar mais o comércio?.

    O Estado continuaria calculando os indicadores e na sextas-feiras definindo as bandeiras (amarela, laranja, vermelha ou preta). Porém, as regiões poderiam adotar restrições previstas na bandeira imediatamente anterior, no caso da Região Porto Alegre, à qual pertencem Gravataí e Cachoeirinha, da vermelha para a laranja, desde que haja aprovação unânime dos prefeitos.

    Faço o grifo pela impossibilidade. A Granpal já arrepiou.

    – Não há como chegar a um consenso – resume o prefeito de Gravataí, alertando para as diferentes características dos 32 municípios ligados à associação da Grande Porto Alegre.

    – O Estado precisa liderar, ouvir os municípios. É lero-lero dizer que há diálogo nas definições do Distanciamento Controlado – cobra Marco Alba, que desde a perda do Mercado Livre trava uma ‘guerra híbrida’ com Leite.

    O exemplo que o prefeito usa, além do fato de nunca ter conversado com o governador desde o início da pandemia, é Gravataí ter ficado de fora do pedido inicial de 300 respiradores feitos pelo Rio Grande do Sul para o Ministério da Saúde. Só após reclamação em sessão remota da Granpal, a secretária da Saúde Arita Bergmann ligou para Marco Alba e, quatro meses depois, os ventiladores estão instalados em UTIs COVID nos hospitais de campanha e Dom João Becker.

    A advertência que fiz no artigo que referi acima é a mesma do presidente da Famurs, Maneco Hassen (PT), que teme que as decisões sejam tomadas por “quem grita mais”. Um ‘Decreto-Pilatos’ liberando geral tornaria o RS uma cópia do governo Bolsonaro: sem ministro da Saúde, sem política nacional de saúde que interligue os estados. Na Região Metropolitana, que não tem ‘fronteiras’, e a circulação entre municípios é diária, poderemos experimentar uma tragédia ainda maior.

    Ao fim, identifico – e entendo – o que está por trás da nova forma proposta pelo governador para colorir o mapa do Estado. O Distanciamento Controlado ainda é o melhor entre os piores sistemas de enfrentamento à pandemia. Mas parte do descontrole advém do não cumprimento dos decretos. É o que chamo distanciamento fake, a lei vampeta, do uns fingem que fecham, outros fingem que fiscalizam.

    – Queremos trazer os prefeitos para a gestão do plano. É fundamental termos os municípios como parceiros. Buscar consensos, jogar juntos, em defesa da saúde pública e da vida – disse o governador à Rosane Oliveira, em GaúchaZH.

    Grifo novamente porque aí está a evidência de meu diagnóstico: Eduardo Leite percebeu que, principalmente na Grande Porto Alegre, só um impopular lockdown resolve. Como não quer bancar, e nem os prefeitos, vai dividir o papel de vilão.

    Com um ‘Decreto-Pilatos’, acabou a desculpa de que é só o governador quem decide.

     

    LEIA TAMBÉM

    Vídeo protesto: Associação Comercial faz terraplanismo contra distanciamento social em Cachoeirinha; alerta de cancelamento​

    Com gente até em maca, Gravataí e Cachoeirinha seguem em alto risco; o alerta de lockdownGravataí é bandeira preta; é o pior momento

    Mortalidade da COVID 19 em Gravataí é maior que média gaúcha, igual a Porto Alegre e próxima a São Paulo; siga os dados.

    Metade de Gravataí e Cachoeirinha tem doenças que potencializam a COVID 19; alerta aos covidiotas

    É hora de multar quem não usa máscara em Gravataí e Cachoeirinha!; bom, entre maus exemplos de políticos 

    Perdi meu pai para COVID 19; o depoimento de uma gravataiense

    O desabafo de um amigo por mais uma vítima da COVID 19 em Gravataí

    Gravataiense ainda luta contra COVID 19; ’é uma doença de solidão’

    Não vai ter helicóptero distribuindo Cloroquina pelos céus de Gravataí

    Clique aqui para ler a cobertura do Seguinte: para a crise do coronavírus

    • duplicação
      Estado inaugura viaduto e mais 3,5km na 118
      por Redação
    • coronavírus
      Os ’novos leitos’ de UTI já funcionam desde julho
      por Redação
    • eleições 2020
      Os bens dos candidatos; Zaffa é o ’mais rico’
      por Rafael Martinelli
    • política
      Dimas: Marco Alba pode se defender na Câmara
      por Rafael Martinelli
    • eleições 2020
      Com COVID, candidatos do governo estão em isolamento
      por Rafael Martinelli
    • política
      Ruiu conspiração anti-Marco Alba
      por Rafael Martinelli
    • política
      Juíza acaba com sessões às escondidas na Câmara
      por Rafael Martinelli
    • gravataí
      Décimo antecipado; 10 milhões na economia
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.