notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 08/08/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    política

    Marco Alba observa Luiz Zaffalon em sua mesa, minutos antes de começar a apresentação da PPP da Corsan | Foto GUILHERME KLAMT

    Zaffa é o candidato do governo à Prefeitura de Gravataí, confirma Marco Alba; a primeira vez

    por Rafael Martinelli | Publicada em 02/06/2020 às 17h50| Atualizada em 08/06/2020 às 18h

    Há minutos, ao pisar na calçada em frente à Prefeitura de Gravataí, Marco Alba (MDB) terminou com o suspense que move o meio político desde a noite de 17 de março, quando foi reeleito prefeito, e confirmou, não mais em movimentos, mas em palavras, e pela primeira vez, que Luiz Zaffalon é o pré-candidato à sua sucessão nas eleições de 2020.

    – O Zaffa será exonerado amanhã (quarta)? – perguntei, pelo 4 de junho ser a data limite para desincompatibilização de secretários que serão candidatos.

    – Sim.

    – É o teu candidato a prefeito?

    – É o candidato a prefeito do governo.

    – Alguém mais sai do secretariado?

    – De outros partidos não sei.

    – E do MDB?

    – Para concorrer a prefeito?

    – Sim.

    Marco Alba olhou para o relógio e, por trás da máscara, apesar de sorrir pelos olhos, aplicou uma ‘poker face’ característica de quem tem as cartas – ou o poder da bic e a popularidade de um governo bem avaliado – nas mãos:

    – A princípio não, mas o dia não acabou ainda.

    Jean Torman ainda conversaria com o prefeito, mas uma desincompatibilização do secretário da Saúde em meio à pandemia do novo coronavírus para se apresentar como candidato é um risco político que Marco Alba parece não estar disposto a correr.

    Zaffa é, desde sempre, o preferido do prefeito. Foi seu secretário adjunto de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano quando Marco Alba era o ‘queridinho’, e o ‘maluco’ comprando brigas pela governadora Yeda Crusius no governo gaúcho entre 2007 e 2010, período em que também foi indicado pelo amigo de três décadas presidente da gigante – e cobiçada – Corsan. Além de nos governos interinos de Nadir Rocha (2011 e 2017), e no mandato-tampão de Acimar da Silva, e nas próprias gestões de Marco Alba, ter sido o que apelidei (para ciúme de muitos) de ‘gerentão’.

    Por isso, o prefeito foi além na confirmação do sociólogo, que completou 67 anos nesta terça, como pré-candidato:

    – O Zaffa é o pré-candidato que representa a continuidade desse projeto que mudou Gravataí, uma gestão que ataca as causas, não as consequências, com responsabilidade e resultados, e que mostra a cada dia que governa para toda a população, não pensando na próxima eleição.

    Zaffa apenas sorriu e brincou com o texto de Millôr que citei no artigo Zaffa saiu da Havan como candidato a prefeito de Gravataí, sobre ele, um ‘outsider’, que apenas de longos préstimos ao serviço público, nunca concorreu, ter que experimentar agora o ‘ser político’.

    – Estou pronto. Fala da PPP da Corsan – resumiu, sobre o motivo da coletiva de imprensa desta tarde, quando foi o apresentador da parceria público privada que começou em 2008, com Yeda, Marco e ele, Zaffa, e projeta resolver em 11 anos o gargalo da falta de água e esgoto em Gravataí e outros oito municípios da Grande Porto Alegre.

    Trato disso em outro artigo, já que Zaffa ser o candidato do governo à sucessão, apesar de notícia corrente, nunca antes tivera confirmação através da máscara do prefeito. O ex-deputado federal Jones Martins também deve apresentar o nome na convenção partidária, mas é improvável que Marco Alba, que nunca perdeu uma disputa no partido quando não era prefeito, perca agora que experimenta popularidade crescente até em pesquisas de adversários.

    Ao fim, teremos uma eleição na qual as tradicionais forças eleitorais, Marco Alba e Daniel Bordignon (PDT), e a personagem ascendente, Dimas Costa (PSD), não arriscam perder nada politicamente. Bordignon tem em Anabel Lorenzi sua candidata mas, independentemente do resultado, cumpre neste ano a ‘pena’ de suspensão de seus direitos políticos e pode concorrer à Prefeitura em 2024; Dimas se coloca como alternativa ao ‘GreNal político da aldeia’ e, se não for eleito, será deputado estadual em 2022; e Marco, além de uma popularidade impensável para quem testemunhou o primeiro governo, chega na eleição do jeito que governou, com suas convicções, seu candidato e R$ 100 milhões em obras para mostrar.

    Um ‘FHC’ de Gravataí, como brinco, pelo comportamento e perfil ideológico, reputo difícil identificar no envelhecido, embrutecido e ‘osmarterraplanizado’ MDB gaúcho, um político com legado maior e mais palatável do que Marco Alba para ser candidato a governador em 2022.

    • 3N | opinião
      Pedro Casaldáliga, o bispo dos esquecidos
      por Juan Arias | El País
    • coronavírus
      Os ’totalmente recuperados’ em Gravataí e Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • a cadeira assombrada
      A cassação antecipada em Viamão
      por Cristiano Abreu
    • cachoeirinha
      Dona Nadir, 70 anos, teve alta da COVID
      por Redação
    • crise do coronavírus
      Homofóbico não é o Miki, é você; a bandeira rosa
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Morte aos 48; já são 8 em 7 dias
      por Redação
    • gravataí
      TCE reprova contas de Marco Alba; O Josef K. do dia
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      Justiça suspende ’decreto do festerê’ em Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Com COVID, Gelson grava vídeo chocante
      por Rafael Martinelli
    • política
      Anabel age conforme prega; sem campanha na rua
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Miki limita horário para bares e festas
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataí libera atividades não-essenciais
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Cachoeirinha vai abrir até bares, boates e cinemas
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.