notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 31/03/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    opinião

    Pirelli, Prometeon e GM paradas em Gravataí; o ’contágio econômico’ da crise do coronavírus

    por Rafael Martinelli | Publicada em 20/03/2020 às 22h47| Atualizada em 29/03/2020 às 16h58

    A Prometeon e a Pirelli anunciaram nesta sexta a suspensão da produção nas fábricas de Gravataí. Os comunicados das empresas citam a crise do coronavírus, o que não fez referência nota da GM, que ao anunciar as férias coletivas, quarta, creditou ao “ajuste da produção à demanda do mercado”.

    Na chinesa são 1,7 mil, e na italiana, 900 funcionários que ficarão em férias coletivas até pelo menos 13 de abril. Na GM, 5 mil funcionários.

    É uma tragédia imediata e futura para o bolso dos trabalhadores, que dificilmente atingirão metas de participação nos lucros e resultados, e para a economia de Gravataí, que sofre com a ‘quarentena’ no giro dos salários e, em 2022, com o retorno dos impostos.

    Muitos debocharam do ‘alarmismo’, mas ainda em 6 de março alertei para a crise no artigo O contágio do coronavírus é na economia de Gravataí; GM pode parar.

    No artigo, trouxe uma estimativa da tragédia que é a suspensão da produção de veículos em Gravataí.

     

    É preciso contabilizar perdas imediatas no giro com salários, em um possível layoff (suspensão temporária de contratos de trabalho); e também perdas futuras, com o Valor Adicionado Fiscal, que é um indicador econômico-contábil utilizado pelo Estado para calcular o índice de participação municipal no repasse de receita do ICMS, que reflete daqui a dois anos, e considera todas as operações com mercadorias/produtos que constituem fato gerador do imposto.

    Ao fim, uma GM parada corresponde a um rombo de R$ 10 milhões a cada mês.

    Ou quase duas pontes do Parque dos Anjos a cada 30 dias.

     

    Como tratei nesta quarta em GM dá férias e suspende investimentos; o contágio em Gravataí, hoje e amanhã, o ‘contágio econômico’ deve ser ainda maior. Carlos Zarlenga, presidente da GM na América do Sul, disse que a General Motors decidiu adiar seu mais recente plano de investimentos, de R$ 10 bilhões entre 2020 e 2024.

    No ‘show do bilhão’ está o R$ 1,4 bi que a GM anunciou em 2017 para Gravataí, consolidando a unidade como a mais importante da montadora na América Latina. Parte do investimento já foi feito, conforme Valcir Ascari, o ‘Quebra-Molas’, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí, mas a montadora não publiciza cifras.

    Ao fim, como lamentavelmente observei no artigo anterior, preparemo-nos não apenas para danos de 20 semanas, a projeção para a crise do coronavírus. Inegável é que, nas contas de Gravataí, a paralisação da GM e de outras empresas cobrará uma fatura diária de Marco Alba, pela 'quarentena' a qual passará o movimento da economia. E também é boleto para quem comandar a Prefeitura a partir de 2021, já que a queda de receita pelas perdas de 2020 é uma certeza em 2022.

    São e serão tempos de guerra. 

    Não é ‘terrorismo’, são os fatos, aqueles chatos que atrapalham argumentos.

     

    LEIA TAMBÉM

    Por que sou contra prorrogar mandatos de prefeitos e vereadores até 2022; o Advogado do Diabo

    Hospital suspende cirurgias e Prefeitura tele e especialidades; estamos em guerra em Gravataí e Cachoeirinha

    Clica aqui para ler mais sobre a crise do coronavírus no site do Seguinte:

    • crise do coronavírus
      Conselheira tutelar é segundo caso de Covid 19 em Gravataí
      por Redação
    • opinião
      O caso do maratonista de Viamão suspeito de COVID-19; atenção, ’marcha da morte’!
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Um ’populista’ segura pressão por adiar eleições e usar fundo eleitoral; Hiii...
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      A real sobre a falta de vacinas em Gravataí; o 6 e 9
      por Rafael Martinelli
    • 3º Neurônio | sociedade
      O mundo real morreu, viva o mundo real
      por Berna Gonzáles Harbour | El País
    • 3º Neurônio | opinião
      De quem é a mão que segurou o ministro Mandetta no governo?
      por Carlos Wagner | Histórias Mal Contadas
    • entrevista
      Gravataí não vai abrir comércio nesta semana; o que Marco Alba vai dizer na live de domingo
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      MC Capella, um voluntário pelas quebradas contra o coronavírus
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Parem Gravataí que eu quero descer!; declaro-me Inimigo do Povo, amigo da vida
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Glorinha cede respirador para Gravataí; agora é 1 para cada 11 mil pessoas
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Gravataí tem só 25 respiradores e 12 leitos de UTI; o serial killer de velhos pobres
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Primeiro caso confirmado em Gravataí, assessora relata como está superando o coronavírus
      por Cristiano Abreu
    • opinião
      A real sobre ’gravataiense com coronavírus’ internada em Canoas; a cobra silenciosa
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Cristiano Abreu | EDITOR | cristiano@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.