notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 18/09/2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    pai merdanelles

    Na montagem, vereadores de Gravataí no site da Fifa

    Qual seleção da Copa seria cada vereador de Gravataí?

    por Rafael Martinelli | Publicada em 20/06/2018 às 17h55| Atualizada em 13/07/2018 às 16h51

    Após cinco anos de exílio, longe das fakenews mas bombando MC ‘tô usando crack’ Carol nas raves com sertanejos não-universitários em Prometeus, uma das 67 luas de Saturno, ele está de volta: siga não na borra do café, mas na espuma da cerveja e na cinza do cigarro, as previsões do Pai Merdanelles sobre “qual seleção seria cada vereador de Gravataí?”.

     – Não tanto quanto os boleiros, mas ganham bem e, como figuras públicas, eles têm que saber conviver com o elogio e matar no peito a crítica, sem mimimi ou chamar o VAR – antecipa-se, reivindicando um habeas corpus preventivo de chiliques, o nosso digital influencer de comprida carreira no periódico lunático conhecido por Perseguinte:.

    Vamos ao que o Pai Merdanelles baixou para o Seguinte:, seguindo a ordem de votação dos parlamentares em 2016.

     

    PAULINHO DA FARMÁCIA (PMDB)

    : Bélgica – Aparece sempre como a geração de ouro, mete voto, mas os grandões não deixam levar a taça, nem a presidência da câmara, nem a candidatura a deputado ou prefeito.

     

    DIMAS COSTA (PSD)

    : Alemanha – Queridinho das redes sociais, onde emplaca post de 1000 curtidas, vê o esquema de jogo agressivo, sempre no ataque, que lhe rendeu mil votos a mais na reeleição, ser imitado com mandatos na rua, selfies na fila do hospital e chegadas de carrinhos em grandes temas.

     

    CLEBES MENDES (PMDB)

    : Espanha – Joga o tiki-taka da política como ninguém: faz live na obra, sobe na máquina, resgata de barco no alagamento, marca pressão e recua quanto precisa. Já é uma realidade no grupo de cima.

     

    NADIR ROCHA (PMDB)

    : Inglaterra – Como os ingleses inventaram o futebol, Nadir praticamente ‘inventou’ a câmara. Vereador mais veterano, já chegou nas cabeças – como na bola que não entrou na final de 66, foi prefeito interino num golpeachment – mas dificilmente o deixarão estar nas urnas na disputa pelo FIFA Prefeitura 2018.

     

    ALAN VIEIRA (PMDB)

    : França – Bom time, sempre envolto em altas expectativas, até que um dia chega.

     

    PAULO SILVEIRA (PSB)

    : Dinamarca – Sempre incomodando o governo e os grandões.

     

    JÔ DA FARMÁCIA (PTB)

    : Portugal – Vai chegando como quem não quer nada, mas sem parceria no partido, depende apenas de um Cristiano Ronaldo: ele próprio.

     

    CARLOS FONSECA (PSB)

    : Suíça – Todo mundo conhece, é cumpridor, esforçado, fair play, mas tem pouca mídia.

     

    FÁBIO ÁVILA (PRB)

    : Islândia – O mais simpático a todos, pastor querido pelos colegas, eleitores e fieis, mas todos sabem que mais longe que o empate na estréia não vai.

     

    ALEX TAVARES (PMDB)

    : Brasil – Líder do governo, entra em campo grandão, com a bênção do prefeito e da igreja, fala mansa, bom moço, ao estilo de Tite. Todo mundo sabe que se não levar a Copa, logo ganha uma Olimpíada, Copa América...

     

    DILAMAR SOARES (PSD)

    : Sérvia, Croácia ou Bósnia – Como países de complexas histórias e fronteiras, também poucos sabem em qual partido ou ‘lado’ político está.

     

    ROSANE BORDIGNON (PDT)

    : Argentina – Nas cabeças, mas ainda travada e dependente de um Messi, que é seu sobrenome.

     

    ALEX PEIXE (PDT)

    : Suécia – Traz a tradição do pai Carlinhos e está em todas as Copas, na tribuna, candidato a deputado, vice... mas título que é bom, nunca.

     

    AIRTON LEAL (PV)

    : Uruguai – Aos poucos retoma as glórias passadas, mas estar no bolo de cima, como presidente da câmara, já é título.

     

    BOMBEIRO BATISTA (PSD)

    : Nigéria – Tem bola, força, correria. Ainda falta experiência para não se abater quando faz gol contra ou perde a fama de jogador decisivo e é substituído pelo treinador.

     

    ROBERTO ANDRADE (PP)

    : Colômbia – Experiência em Copas, tem bola e malandragem para ficar feliz em estar sempre no bolo, tipo Centrão.

     

    EVANDRO SOARES (DEM)

    : México – Joga na retranca, se faz de morto mas, apesar de muitos acharem que só joga com a direita, é ambidestro, articula contra-ataques mortais.

     

    DEMÉTRIO TAFRAS (PDT)

    : Costa Rica – Voluntarioso como quando zagueirão, se manda para o ataque, deixando exposta a retaguarda para os adversários.

     

    NERI FACIN (PSDB)

    : Polônia – Patrão de CTG sempre é cabeça de chave. Mas não incomoda ninguém.

     

    WAGNER PADILHA (PSB)

    : Egito – Chegou badalado.

     

    MARIO PERES (PSDB)

    : Panamá – Despercebido.

     

    LEIA TAMBÉM

    As previsões do Pai Merdanelles para 2018

    • candidatos locais
      Sou o Pedro Ruas e vou te contar minha história
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • refugiados
      Acertada data para chegada dos venezuelanos
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • coluna do silvestre
      MRV anuncia prédio com energia solar
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • coluna do silvestre
      As 10 grandes mudanças no nosso trânsito
      por Silvestre Silva Santos
    • eleições 2018
      O batismo de Jairo Jorge com seu ’Grande Eleitor’
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • governo
      OPINIÃO | Marco Alba está cumprindo o que prometeu
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • pequenas empresas, grandes histórias
      COM VÍDEO | Freesurf, de olho na onda perfeita
      por Eduardo Torres | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • pontes do parque
      Definida data para iniciar a duplicação
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • eleições 2018
      Eduardo Leite andou pelo caminho do meio em Gravataí
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Parabéns prefeito, por receber venezuelanos
      por Rafael Martinelli
    • candidatos locais
      Sou o Dimas e vou te contar minha história
      por Rafael Martinelli | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.