notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 19/06/2018

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    polêmica

    Ester Ramos foi a polêmica da semana pelas redes sociais da região

    OPINIÃO | O verdadeiro erro de Ester Ramos

    por Rafael Martinelli | Publicada em 01/06/2018 às 17h53| Atualizada em 11/06/2018 às 16h37

    Ester Ramos foi a incinerada da semana em nosso Grande Tribunal das Redes Sociais, ao postar um vídeo onde chamava de ‘palhacinhos’ manifestantes que, vestidos em verde e amarelo, protestavam na parada 61 de Gravataí, durante a greve dos caminheiros.

    Viralizou, como uma boa fofoca.

    Ainda mais vindo da personagem ‘comunista’, que é como são chamadas pelas redes sociais as pessoas de ideologia à esquerda – e, na involução da espécie facebuquiana, também aos que não concordam com o juiz online.

    Mesmo que tenha sido ex-presidente da Associação Comercial de Cachoeirinha (ACC), Ester é advogada ligada ao sindicalismo, presidente do PSOL e combustível aditivado para exploração política por ser companheira de Pedro Ruas, deputado estadual candidato à reeleição e talvez o mais reconhecido nome da oposição já lançado na disputa pela Prefeitura de Cachoeirinha em 2020.

    Quando a polêmica explodiu, Ester postou nota explicando que a reação destemperada deveu-se à revolta por ela, que tem 58 anos, ter vivido a época e saber o que é uma ditadura, defendida naquele momento por manifestantes que pediam ‘intervenção militar já’.

    Pois a virulência dos comentários atacando-a no post original, no post da nota de esclarecimento e nos posts compartilhados furiosamente em grupos de Facebook e correntes de WhatsApp, reduz a fala infeliz de Ester a uma pequena gafe.

    Há inclusive ameaças, não só essa intolerância com a qual quem naufraga pelas redes sociais já se acostumou até.

    Mas generalização é sempre um erro.

    E Ester errou.

    Se a referência que fez no vídeo era a quem defende a ditadura, ela não deveria ter ofendido os artistas.

    Palhaços fazem crianças rir, não as matam.

     

    LEIA TAMBÉM

    OPINIÃO | Qual verdade você quer ouvir?

    • coluna do silvestre
      Souza Cruz volta e Herbalife chega à cidade
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • atenção
      O que muda no trânsito da parada 72
      por Redação
    • a venda do hospital
      OPINIÃO | Marco Alba fez bem em bancar a Santa Casa
      por Rafael Martinelli
    • na copa
      Deu sono na estreia brasileira
      por Eduardo Torres
    • na copa
      OPINIÃO | Estreia com a cara do Brasil do golpeachment
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      No escurinho do cinema...
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      É bom sinal os vereadores congelarem os próprios salários
      por Rafael Martinelli
    • nosso hospital
      COM VÍDEO | Hospital de Gravataí é da Santa Casa
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • saneamento
      Gravataí e Cachoeirinha no ranking do saneamento
      por Eduardo Torres
    • eleições 2018
      Miki e Stédile, unidos por Sartori
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      20 dias para o pedágio não ser cobrado ou...
      por Silvestre Silva Santos
    • meio ambiente
      EXCLUSIVO | Gravataí pode ter um dique contra enchentes
      por Eduardo Torres
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Eduardo Torres | EDITOR | eduardo@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.