notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 08/08/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    natal

    Gravataí tem cinco casas abrigo mantidas pela Prefeitura

    Nesta noite, o amor também estará nos abrigos da cidade

    por Redação | Publicada em 24/12/2019 às 12h59| Atualizada em 26/12/2019 às 11h52

    Os dias 24 e 25 de dezembro são de confraternização, amor e carinho. Dias de estar com quem se gosta, família e amigos. Dias de reflexão e de bons sentimentos. Nesta noite, véspera do Natal, muitos de nós estaremos entre os nossos, celebrando a vida, em uma linda ceia e com uma árvore repleta de presentes. Assim também será nas cinco casas abrigo administradas pela Prefeitura de Gravataí, por meio da Secretaria Municipal da Família, Cidadania e Assistência Social (SMFCAS). 

    Atualmente, o serviço destinado a atender crianças e adolescentes sob medida protetiva de acolhimento, conforme o artigo 98 do Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), oferece a 64 jovens: moradia temporária, escola, acompanhamento médico, atendimento psicológico e de assistência social e outros atendimentos necessários, que compõem a rede socioassistencial.

    Para que o Natal destas crianças e jovens seja o mais próximo do que se tem em uma casa familiar, os abrigados fizeram cartinhas para o Papai Noel pedindo presentes, kits de material escolar e ainda kits de higiene.

    Um do adolescente de 16 anos, atendido no serviço, revela que o que mais quer neste Natal é um ambiente harmônico para passar a noite com os irmãos.

    – Meus natais em casa sempre foram tumultuados, de briga, de confusão. Já desejei muito estar sozinho neste dia, mas aqui, acredito que tudo será diferente. Estou até acreditando que posso ganhar algo e que meus irmãos também terão um presente. Será muito bom.

    Já um menino de 5 anos, revela sua expectativa, ao colocar as bolinhas de Natal no pinheirinho da casa e o ver repleto de pacotes.

    – Aqui moram muitas crianças, mas acho que o Papai Noel recebeu a cartinha de todos. Eu quero ganhar um boneco.

    Já outro jovem de 16 anos, brinca que por ter se comportado muito bem e passado para o 3º ano do Ensino Médio, deverá ser lembrado pelo Bom Velhinho.

    – Esse vai ser o meu primeiro Natal aqui na casa e a expectativa é grande, porque quem já passou aqui diz que é muito bom. A única coisa que quero é que este natal seja o melhor para todo mundo que mora comigo aqui.

     

    Coração que transborda amor

     

    Coordenadora de um abrigo há 10 anos, Gislaine Freitas se emociona ao falar dos preparativos das festas de final de ano.

    – Aqui são muitos sentimentos que se misturam. Muitos sentem a falta da passagem destas datas com a família, mas ao mesmo tempo, se sentem amados, lembrados e podem viver um momento de alegria e confraternização aqui no serviço de acolhimento.

    Ela lembra que tudo é preparado com carinho e que monitores passam as datas com eles, como em uma verdadeira família.

    – Quem está com eles sente algo forte. Aqui é a extensão da nossa família e tenho certeza que muitos que aqui trabalham, assim como eu, gostariam de passar as festas com os seus entes queridos e com eles. Estas crianças e adolescentes fazem parte das nossas vidas como se nossos fossem. Aqui, não só no Natal, mas em todos os dias do ano, ganhamos amor em dobro.

     

    Parcerias fazem o Natal ser especial

     

    Segundo a diretora da Proteção Social Especial da SMFCAS, Margarete Farias, as crianças e adolescentes quando chegam aos abrigos, normalmente já trazem uma história de vida marcada pela negligência, abandono, violência sexual, física e psicológica.

    Nos abrigos os acolhidos ficam aos cuidados de cuidadores que auxiliam na elaboração e no mantimento de uma rotina saudável, para o desenvolvimento das crianças e adolescentes, zelando e respondendo pela preservação da integridade física e psicológica dos acolhidos através da manutenção de um vínculo afetivo e ético, como preconiza o ECA e as orientações técnicas para o Acolhimento Institucional.

    Visando propiciar um momento especial no Natal para as crianças, a secretaria através de parceiros como o poder judiciário, o Ministério Público, empresas da cidade e a comunidade, promove o apadrinhamento de cartinhas que as crianças escreveram para o Papai Noel, garantindo que a árvore de Natal de cada abrigo esteja repleta com presentes para todas as crianças.

    – Assim, só temos a agradecer a todos que contribuíram, de alguma forma, para que estes jovens tenham um momento de fraternidade e amor.

    • 3N | opinião
      Pedro Casaldáliga, o bispo dos esquecidos
      por Juan Arias | El País
    • coronavírus
      Os ’totalmente recuperados’ em Gravataí e Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • a cadeira assombrada
      A cassação antecipada em Viamão
      por Cristiano Abreu
    • cachoeirinha
      Dona Nadir, 70 anos, teve alta da COVID
      por Redação
    • crise do coronavírus
      Homofóbico não é o Miki, é você; a bandeira rosa
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Morte aos 48; já são 8 em 7 dias
      por Redação
    • gravataí
      TCE reprova contas de Marco Alba; O Josef K. do dia
      por Rafael Martinelli
    • coronavírus
      Justiça suspende ’decreto do festerê’ em Cachoeirinha
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Com COVID, Gelson grava vídeo chocante
      por Rafael Martinelli
    • política
      Anabel age conforme prega; sem campanha na rua
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Miki limita horário para bares e festas
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataí libera atividades não-essenciais
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Cachoeirinha vai abrir até bares, boates e cinemas
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    [email protected]

    Roberto Gomes | DIRETOR | [email protected]
    Rafael Martinelli | EDITOR | [email protected]
    Cristiano Abreu | EDITOR | [email protected]
    Guilherme Klamt | EDITOR | [email protected]
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.