notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 07/04/2020

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    educação

    Primeiro estabelecimento de ensino fundamental voltado prioritariamente para atender às necessidades de quem mora no Residencial Breno Garcia terá o nome de Suely Silveira Soares, mãe do prefeito Marco Alba. FOTO | PMG

    Breno Garcia vai ter escola construída pelo município

    por Silvestre Silva Santos com assessoria | Publicada em 03/12/2019 às 18h01| Atualizada em 04/12/2019 às 14h13

    A Prefeitura de Gravataí fez o lançamento nesta terça-feira (3/12) da pedra fundamental da primeira escola municipal de ensino fundamental (Emef) do Residencial Breno Garcia, na parada 103 da RS-030. A escola levará o nome de Suely Silveira Soares (mãe do prefeito Marco Alba) e atenderá crianças, adolescentes e adultos em nível de Educação Infantil, Ensino Fundamental e na modalidade da Educação de Jovens e Adultos (EJA), do maior empreendimento de moradia popular da região Sul do Brasil e bairros das redondezas.

    A Emef Suely Silveira Soares é o primeiro equipamento público de ensino fundamental instalado no residencial que conta com 2.025 famílias moradoras. Uma vez instalada, atenderá crianças e alunos a partir dos quatro anos de idade ofertando pré-escola, ensino fundamental regular e EJA. O objetivo é oportunizar educação de qualidade e sem precedentes na região, bem como o aumento do elenco dos direitos protegidos para milhares de famílias de Gravataí que outrora moravam em áreas de risco.

    No lançamento de hoje o prefeito Marco Alba (MDB) explicou os motivos de se ter escolhido o nome da sua mãe, Suely Silveira Soares, para a nova escola.

    --- A busca pelo nome foi feita de acordo com a representatividade da maioria das pessoas que aqui moram e que receberam a titularidade dos imóveis, que são mulheres chefes de família --- disse.

    E lembrou que, assim como hoje, enfrentando preconceitos, sua mãe se privou de diversas atividades para criar e educar os filhos, dando-lhes boas oportunidades.

    --- Assim foi Suely Silveira Soares, moradora e filha desta cidade, que se viu sozinha precisando criar e cuidar dos seus dois filhos ---  completou, referindo-se ao irmão, Cláudio. 

     

    A FRASE

     

    --- São inúmeras as mulheres que como a minha mãe Suely buscam exatamente o mesmo objetivo: criar e possibilitar aos filhos o acesso à Educação para que possam construir suas vidas com as condições necessárias para serem felizes. Foi identificando as ações da minha mãe nas tantas Marias, Anas e até Suelys do Residencial Breno Garcia que me veio a ideia de homenageá-la e a perpetuar na história da educação da cidade.

    Marco Alba
    Prefeito de Gravataí

     

    Escola modelo

     

    A secretária Municipal de Educação (Smed) Sonia Oliveira lembrou das centenas de crianças que são transportadas todos os dias do Residencial Breno Garcia para escolas da região, que serão beneficiadas pela construção. E garantiu que será uma escola modelo que muito irá orgulhar a todos da atual administração municipal. Já  presidente da Câmara, vereador Clebes Mendes, lembrou do seu orgulho em fazer parte e da importância da base do governo no legislativo de Gravataí.

     

    Cápsula do tempo

     

    Na cerimônia de lançamento da obra, que tem previsão de conclusão em um ano e custo de R$ 4 milhões, dinheiro oriundo de financiamento que o município contratou na Caixa Econômica Federal, foi lacrada uma cápsula do tempo com uma camiseta do atual uniforme entregue a todos os alunos da rede pública municipal, assim como um caderno, que representou o kit escolar que hoje também beneficia toda a rede. A cápsula será colocada na recepção da escola assim que a obra estiver pronta, para ser aberta daqui 20 anos.

    Alunos de escolas da região, que serão os primeiros da EMEF Suely Silveira Soares por morarem no Breno Garcia, também escreveram desejos para a nova escola, como foi o caso de Miriã Figueiredo, de oito anos, aluna do segundo ano da Emef Breno Jardim Garcia, localizada no Passo da Caveira.

    --- Escrevi que quero que a escola seja boa, tenha bastante alunos e bastante professores. Que seja colorida e divertida e que a gente aprenda muito --- contou depois.

    O prefeito Alba e a secretária Sônia também depositaram mensagens para a nova escola, e uma lista dos cerca de 500 alunos que todos os dias sãos transportados do Residencial Breno Garcia para outras escolas também foi depositada junto com exemplares de jornais locais que publicaram matérias sobre a escola, além de um histórico sobre a patrona, Suely Silveira Soares.

     

    PARA SABER

     

    - A EMEF Suely Silveira Soares está localizada na Rua Coqueiro do Sul, em uma área de 3.247,89 metros quadrados.

    - O prazo para conclusão da obra é de um ano.

    - Nos três turnos, serão atendidos cerca de 800 alunos.

    - O projeto de lei que cria a escola já está tramitando na Câmara de Vereadores. 

    - A obra custará em torno de R$ 4 milhões, financiada pela Caixa Econômica Federal.

    - O projeto prevê 12 salas de aula, laboratório de informática, biblioteca e ginásio de esportes, entre outras instalações.

    - O terreno da escola já foi terraplanada e a obra, que será executada pela empresa Elo Construções e Instalações, está em fase inicial.

     

     

     

     

    • crise do coronavírus
      Maurício Medeiros está curado da COVID-19; Cruzeiro onde estava vice-prefeito segue na quarentena em porto
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Milão. A cidade mais privilegiada de Itália está agora na fila do pão
      por Antonio Scurati | Observador
    • crise do coronavírus
      Em UTI, menino de 9 anos está entre novos casos de COVID 19 em Cachoeirinha; já são seis
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Por que Marco Alba se adequou a abertura de comércio, indústria e aulas; a Gravataí dos 10 ou 300 infectados
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Sindicato na Justiça para liberar FGTS a trabalhadores da Pirelli e Prometeon; são milhões na economia de Gravataí
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      José Rosa quer comércio aberto para vender chocolate em meio à crise do coronavírus; oração póstuma
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Prefeito anuncia retomada das atividades econômicas em Gravataí; se houver euforia, fecha tudo, apela
      por Redação
    • opinião
      O raio-x das trocas de partido em Gravataí e Cachoeirinha; o efeito nas urnas em 2020
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Cláudio Ávila deu um 1º de abril em Bordignon; o habeas corpus
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      EXCLUSIVO | Pesquisa mostra que gravataiense teme perda salarial
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataiense com COVID 19 relata drama de uma Itália devastada
      por Cristiano Abreu | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • crise do coronavírus
      EXCLUSIVO | Pesquisa mostra que Gravataí aprova o ’fecha tudo’ de Marco Alba
      por Rafael Martinelli
    • crise do coronavírus
      Gravataí em calamidade pública por 6 meses; o que significa
      por Rafael Martinelli
    • entrevista
      Miki: não serei o prefeito lembrado por contar corpos; Cachoeirinha tem primeira confirmação de COVID 19
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Cristiano Abreu | EDITOR | cristiano@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.