notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 21/11/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    educação

    Promovido pelo curso de Pedagogia da faculdade, projeto

    Cesuca tem projeto para ensinar adultos a ler e escrever

    por Silvestre Silva Santos com assessoria | Publicada em 06/11/2019 às 15h04| Atualizada em 07/11/2019 às 19h10

    A Cesuca – Faculdade Inedi, instituição que integra o grupo Cruzeiro do Sul Educacional, iniciou um projeto de alfabetização de adultos em setembro deste ano com aulas que se estenderão até dezembro e, após o período das férias, serão retomadas em março de 2020.

    O currículo inclui, além do processo de alfabetização, questões culturais e artísticas de informação local e global, de acordo com a metodologia apropriada para a modalidade da Educação de Jovens e Adultos.

    --- Levamos em consideração as particularidades de cada aluno, suas necessidades e conhecimentos prévios, ricos em história e cultura, para promover autonomia e consciência crítica acerca de sua realidade --- explica a coordenadora do curso de Pedagogia e Matemática da Cesuca, professora Eliane Moura.

    Os encontros são ministrados por monitoria voluntária dos acadêmicos do curso de Pedagogia a partir de seleção que se deu a partir de edital. A coordenação das atividades é feita pela professora Eliane.

    Apesar do pouco tempo de funcionamento, o projeto tem mostrado resultados significativos e as aulas estão ajudando a transformar a realidade dos participantes, como conta o aluno Sílvio Ayres Guedes, de 67 anos, oriundo de uma família que diz ser “muito humilde” do interior do Rio Grande do Sul e que passou parte da infância trabalhando na roça, ajudando a sustentar 10 irmãos. 

    --- Quando me casei e passei a morar em Gravataí, minha esposa estava grávida. Arrumei trabalho em uma metalúrgica e depois de três anos veio mais um filho. Não pude mais estudar porque a renda da casa dependia apenas de mim. Hoje estou mais velho e meu sonho é saber ler e escrever --- afirma.

     

    Importante

     

    As inscrições podem ser feitas em qualquer momento, diretamente na coordenação da Pedagogia, no Campus da Cesuca. O projeto conta ainda com 10 vagas disponíveis.

     

    Serviço
     

    Projeto de Alfabetização de Adultos “Para Ler o Mundo: Alfabetização de Adultos”
    Dias: Terças e quintas-feiras, até o começo de dezembro
    Local: Cesuca - Rua Silvério Manoel da Silva, 160 – bairro Colinas, Cachoeirinha 
    Preço: gratuito
    Inscrições: Cesuca – Coordenação do Curso de Pedagogia

     

    PARA SABER

     

    1

    O Rio Grande do Sul tem mais de 280 mil analfabetos, ou seja, 3% da população de 15 anos ou mais não sabe ler e nem escrever.

     

    2

    Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada em junho deste ano.

     

     

     

     

     

     

     

    • 3º Neurônio | comportamento
      Terapia de casal, mas de casal de amigos
      por Ana Bulnes Fraga | El País
    • 20 de novembro
      Gravataí abre a Semana da Consciência Negra
      por Redação
    • opinião
      O dia em que a Câmara foi o STF; e deu empate!
      por Rafael Martinelli
    • personagens
      Quem é Sirmar Antunes, o ator que respira arte, negritude e Gravataí
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      A reeleição de Miki e a desfiliação de Ibarú e Marco
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Cassação ameaça outra conselheira tutelar eleita
      por Rafael Martinelli
    • educação
      Escola Tuiuti está mais perto do fim
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Aniversário de Miki mostra força para reeleição
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Repercussão política foi instantânea do ’reajuste zero’
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      LDO prevê ’reajuste zero’ para funcionalismo
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.