notcia bem tratada
GRAVATAÍ, 23/05/2019

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Recomendamos

  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Nossos Clientes
  • Facebook

    segurança

    Caroline foi a quarta motorista atacada neste ano em Gravataí | ARQUIVO PESSOAL

    Morre mais uma motorista de app em Gravataí

    por Eduardo Torres | Publicada em 24/02/2019 às 20h30| Atualizada em 26/02/2019 às 15h20

    Gravataí não é, definitivamente, território seguro para quem ganha a vida no volante prestando serviços a aplicativos ou táxis. Neste final de semana, a cidade foi novamente palco da morte de uma motorista de aplicativo, provavelmente, durante uma corrida. A Polícia Civil ainda tenta esclarecer se, no começo da noite de sexta, Caroline Nogueira Rodrigues, 36 anos, estava a serviço de algum aplicativo no momento em que foi morta a tiros na cabeça e com sinais de luta corporal. O corpo dela foi encontrado ainda na noite na Estrada do Gravatá, no distrito do Barro Vermelho. Horas depois, o carro, um Gand Siena, foi localizado incendiado na Estrada Madorin, no Itacolomi.

    O caso é apurado pela Delegacia de Homicídios de Gravataí, e até o começo da noite deste domingo, o delegado Eduardo Amaral não havia descartado qualquer hipótese para o crime. desde um latrocínio — roubo com morte —, já que a vítima foi encontrada somente com a roupa do corpo, sem celular, carteira e outros pertences, até um feminicídio, em virtude da maneira cruel com que a motorista foi morta.

     

    LEIA TAMBÉM

    OPINIÃO | Na vida loka real, mais um taxista morreu

    Carros da 99 POP terão câmeras de segurança

    Outro baleado, mas poucos motoristas param na região

     

    Ela foi atingida por disparos de pistola .380 e, conforme observação inicial dos peritos,  tinha diversos ferimentos demonstrando que tentou resistir à ação dos criminosos. A polícia não descarta ainda que o objetivo dos bandidos fosse levar o veículo. Plano provavelmente abortado após a morte da motorista.

    O último sinal que a família teve da moradora de Alvorada foi no começo da noite de sexta, quando ela chegou a conversar com uma amiga, via WhatsApp, relatando que estava iniciando uma corrida. Ela teria passado à amiga a sua localização naquele momento. Pouco tempo depois, o contato entre as duas foi perdido.

     

    : Carro dirigido por Caroline foi encontrado incendiado na Estrada Madorin | DIVULGAÇÃO

     

    Caroline tinha no trabalho como motorista de aplicativos uma forma de complementar a renda como cabeleireira. Ela teve o corpo reconhecido por familiares no DML, durante o sábado, depois de ter o desaparecimento registrado na noite anterior. 

    Desde o começo do ano, foram pelo menos quatro casos de motoristas de aplicativos e taxistas baleados ou mortos em Gravataí. Nos três crimes anteriores, a polícia chegou aos suspeitos no dia seguinte, comprovando se tratarem de roubos que resultaram no ataque violento aos motoristas.

    No mês passado, movimentos organizados de motoristas protestaram por mais segurança no serviço de aplicativos.

    • proteção animal
      Hulk, o cãozinho cadeirante que batiza o Cachorródromo
      por Redação
    • opinião
      Por Anabel, Bordignon desistiu de ação para concorrer
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Não é escândalo denúncia envolvendo Jones
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Nem as chuvas param as obras nas pontes
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • rio gravataí
      Conheça o projeto da nova orla do Rio Gravataí
      por Silvestre Silva Santos | Edição de imagens: Guilherme Klamt
    • opinião
      Vereadores nos tiraram para idiotas
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Pirelli, uma fábrica em depressão
      por Rafael Martinelli
    • coluna do silvestre
      Gravataí pode ter um Tumelero diferente
      por Silvestre Silva Santos
    • opinião
      Tem que taxar Uber sim!
      por Rafael Martinelli
    • entrevista
      Não sirvo para poste ou laranja, diz Paulo Silveira
      por Rafael Martinelli
    • opinião
      Mandatos de Marco Alba, Miki e Darci podem ir até 2022
      por Rafael Martinelli
    • gravataí
      Marco Alba financia novo pacotão de obras viárias
      por Redação
    • coluna do silvestre
      Que tal ganhar R$ 8,6 mil por mês? Tem vaga!
      por Silvestre Silva Santos com assessoria
    • entrevista
      Passado é passado, olho para frente, diz Anabel
      por Rafael Martinelli
    • lojas havan
      Sindicato exige negociar domingos e feriados
      por Silvestre Silva Santos
    • eleições 2020
      Sônia, filha de Dorival, pode ser lançada a prefeita
      por Rafael Martinelli
    SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
    Gráfica e Editora Vale do Gravataí
    Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
    Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

    redacao@seguinte.inf.br

    Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
    Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
    Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
    Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br
    Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
    As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
    Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.