GRAVATAÍ, 18/10/2019
sua saúde

Cachoeirinha pioneira em tratar fibromialgia

por Redação | Publicada em 26/08/2019 às 18h36| Atualizada em 27/08/2019 às 16h27

Um tratamento inovador contra a fibromialgia está sendo disponibilizados para pacientes com a doença em Cachoeirinha. Desde sábado, dia 24, o recurso está sendo utilizado pelos portadores da doença, que passaram por uma triagem e têm encaminhamento para realizar o tratamento.

O equipamento ainda está em processo de pesquisa, mas os resultados são surpreendentes.

- O instrumento foi criado por pesquisados da USP e tem conseguido zerar a dor de 90% dos fibromiálgicos - explica o médico Antônio Eduardo de Aquino Junior, que lidera a pesquisa.

As aplicações estão sendo realizadas em uma sala do programa Viva Mulher, que fica no Centro de Especialidades Clínicas, ao lado da Prefeitura.

- Cachoeirinha é a primeira a receber o equipamento no Brasil. Ele ficará permanentemente com uma fisioterapeuta responsável pela aplicação - completa.

Segundo Antônio, o protocolo de tratamento é a aplicação durante três minutos em cada palma da mão.

- O efeito é sistêmico, ou seja, ele acontece no corpo todo. Com a frequência de duas vezes por semana em um protocolo de 10 sessões”.

O pesquisador ao lembra ainda que esse é um tratamento e não uma cura para o problema que atinge aproximadamente mil pessoas em Cachoeirinha.

 

COMO ENCONTRAR

O Grupo Gente de Fibro, que pode ser contatado pelo telefone 993517428, é coordenado por Karen Prestes e Joice Vargas, e associado a Anfibro (Associação Nacional dos Fibromiálgicos) que buscou a parceria com a USP.

SITE DE JORNALISMO E INFORMAÇÃO
Gráfica e Editora Vale do Gravataí
Av. Teotônio Vilela, 180 | Parque Florido
Gravataí(RS) | Telefone: (51) 3042.3372

redacao@seguinte.inf.br

Roberto Gomes | DIRETOR | roberto@seguinte.inf.br
Rafael Martinelli | EDITOR | rafael@seguinte.inf.br
Silvestre Silva Santos | EDITOR | silvestre@seguinte.inf.br
Guilherme Klamt | EDITOR | guilherme@seguinte.inf.br

Ao reproduzir uma de nossas matérias, é ético citar a fonte.
As opiniões assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam a posição do jornal.
Desenvolvido por i3Web. 2016 - Todos os direitos reservados.